quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

Novela Completa - Cúmplices de um resgate

CÚMPLICES DE UM RESGATE:

Mariana e sua banda participam de um festival de grupos musicais. Joaquim diz a Florência que o pai do André vai levá-los para uma audição, pois a gravadora onde ele trabalha está selecionando crianças para formar um grupo infantil. Rosa vai até a tecelagem cobrar de Alberto Del Rio uma explicação por ter acabado com parte da fábrica e deixado tantas funcionárias sem emprego e, em protesto, se recusa a receber o cheque da recisão. Orlando pede a opinião de Regina sobre a possibilidade de Silvana participar da seleção, vai escolher a vocalista de um grupo musical. Regina diz que Silvana não tem a mínima condição de vencer o concurso. Depois, ela telefona para seu irmão, Geraldo, que é dono da gravadora, para dizer que ele não deve permitir que Silvana participe da audição, pois ela tem uma irmã gêmea e se aparecer na televisão sua verdadeira mãe poderá reconhecê-la. Florência proíbe os sobrinhos de participar do concurso. Felipe finge um desmaio e, enquanto Florência vai pegar o vidro de álcool, as crianças escapam. Alberto Del Rio vai pessoalmente até a casa de Rosa para entregar o cheque e aproveita para entregar uma proposta de trabalho para ela e suas companheiras. Marina leva Silvana para assistir o festival de música infantil. Ao ver Mariana cantar, a menina fica muito surpresa ao perceber a semelhança que existe entre elas. Silvana se surpreende ao ver que Mariana é idêntica a ela e que canta muito melhor. Regina procura o produtor musical da gravadora para ordenar que ele diga que Silvana não tem voz para cantar. Silvana pergunta a Marina quem ganhou o festival e ela diz que foi uma menina chamada Mariana. Orlando passa por uma avaliação e o médico diz que ele tem problemas de coração. Ele recomenda uma dieta e, principalmente, evitar fortes emoções. Regina diz ao Geraldo que depois do teste deverão infernizar a vida de Silvana, para que ela desista da idéia de ser cantora. Felipe comenta com Joaquim e Júlia que, desde que conheceu Silvana, não pára de pensar nela. Mariana vê Silvana e desmaia. Rosa se apavora ao ver a filha desmaiada e, quando ela volta a si, pergunta o que aconteceu, mas Mariana está confusa e só diz que viu a si mesma. Silvana, por sua vez, também está muito intrigada se pergunta quem é aquela menina e porque se parece tanto com ela. Silvana decide procurar sua sósia e pedir a ela que se apresente, em seu lugar, no concurso que vai escolher a vocalista para o grupo musical. Silvana pede a Mariana que se apresente em seu lugar, pois canta melhor e poderá ser escolhida para fazer parte do concurso. Florência continua irredutível em sua decisão de não permitir que seus sobrinhos participem do concurso. Vicente intercede à favor das crianças, se compromete a cuidar dos estudos e consegue autorização para assinar o contrato com a gravadora. Regina acompanha Vicente até a gravadora e diz ao advogado que o dinheiro será depositado em uma conta que abriu especialmente para seus sobrinhos. Regina tenta convencer o marido de que Silvana não tem talento para se transformar numa cantora e que, além disso, é muito frágil para se expor a um fracasso. Silvana vai até a casa de Mariana para ver como ela vive. Ao ouvir que sua família está chegando, Mariana pede a Silvana que se esconda, pois sua mãe e sua avó podem se assustar ao vê-la. Alberto Del Rio propõe a Rosa e sua amigas que formem uma cooperativa. Florência decide viver sua própria vida e vai embora deixando seus sobrinhos completamente sozinhos. Na carta, ela pede ao Joaquim que cuide de seus irmãos menores. As crianças ficam muito tristes com o abandono, mas Joaquim diz aos irmãos que não devem contar a ninguém o que aconteceu, pois se souberem que estão sozinhos os levarão para instituições que cuidam de menores abandonados. Felipe chora e diz que tem medo que possam separá-los. Joaquim, Felipe e Júlia estão muito tristes por que foram abandonados pela tia Florência. Silvana liga para Mariana e propõe que elas troquem de identidade. Silvana diz que irá ao colégio no lugar da sósia, enquanto ela vai à aula de canto. Orlando flagra Regina espiando Silvana e Marina e, irritado, pergunta a esposa porque ela está tão curiosa. Rosa diz ao Sebastião que não deve pensar mal do Alberto e ele acaba confessando que se comporta assim por que está apaixonado por ela. Silvana dá instruções a Mariana de como deve se comportar e dar ordens ao motorista. Dona Pura percebe que sua filha, Rosa, está começando a gostar de Alberto Del Rio e a aconselha a tomar muito cuidado para não se decepcionar, pois o rapaz pertence a outra classe social. A professora fica muito surpresa com a prova feita por Silvana (que se faz passar por Mariana) e leva a menina para a diretoria, pois acredita que ela colou e por isso se saiu tão bem. Mariana (que se faz passar por Silvana) fica muito nervosa durante a aula de música, pois está sendo observada por Geraldo e Regina e acaba perdendo a voz durante o teste. Silvana, fazendo-se passar por Mariana, está esperando seu motorista particular, quando chegam Sebastião e Helena. Mariana, fazendo-se passar por Silvana, pressente que algo ruim vai acontecer. Geraldo e Regina acreditam que ao lado de Priscila, Silvana não terá chance de vencer o concurso. Mariana conta a Silvana, que seu tio e sua mãe a deixaram muito nervosa. Silvana diz a Mariana que foi obrigada a fugir pois a professora e a diretora desconfiaram que ela colou na prova. Na gravadora, Geraldo aconselha Pricila a dar tudo de si para vencer os outros concorrentes. Alberto Del Rio dá flores a Rosa e a convida para jantar. Silvana diz a Mariana para não se intimidar diante de sua mãe e de seu tio e que precisa cantar muito bem para ser a escolhida para o grupo infantil. Mariana fazendo-se passar por Silvana diz ao Orlando que ganhará o concurso. Rosa diz ao Alberto que não acredita em seus sentimentos, pois sabe que ele tem um compromisso com Dora. Regina pressiona Geraldo para que faça alguma coisa para impedir que Silvana ganhe o concurso. Orlando ouve a conversa onde Regina e Geraldo planejam manipular os jurados para que Priscila seja a escolhida como vocalista do grupo musical. Indignado com a atitude da esposa, Orlando exige que Regina explique como é possível que ela queira frustrar os sonhos da própria filha. Priscila comenta com Mariana que sua mãe, Dora, é amiga do dono da gravadora e certamente ela será a escolhida para fazer parte do grupo musical. Regina fica furiosa ao ver que Silvana se sai bem no teste e decide despedir Marina por não ter cumprido suas ordens e permitido que Silvana comparecesse a audição. Geraldo tenta convencer o jurado de que Priscila é a melhor candidata. Vicente propõe que o grupo tenha duas vocalistas. Geraldo comunica ao Orlando que o sócio da gravadora decidiu que o grupo terá duas vocalistas e, portanto, Priscila e Silvana cantarão juntas. Silvana, furiosa, se recusa a dividir o palco com Priscila. Mariana tem febre e delira. Orlando sofre uma parada cardíaca e desmaia. Orlando suplica ao Dr. Raul que o salve, pois sua filha precisa muito dele. Silvana se desespera ao saber que seu pai está muito mal e Felipe, ingenuamente, diz que, se ele morrer, ela ainda terá a sua mãe. Mariana fica muito preocupada quando a professora diz que precisa conversar com a sua mãe. Alberto pede ao Dr. Raul que examine Mariana, mas ele diz que não poderá atendê-la, pois está com um amigo em estado muito grave na UTI e sua vida está em suas mãos. Os colegas de classe colocam um rato na sala para desviar a atenção da professora e evitar que ela converse com a mãe de Mariana. Regina diz a Silvana que, enquanto seu pai estiver doente, ela tomará as decisões. Rosa consulta a filha sobre se deve aceitar o convite de Alberto para jantar. Mariana diz que a ama muito e o que mais deseja é que ela seja muito feliz. Sebastião vai até a fábrica para conversar com Alberto e o encontra com Dora. Sebastião, muito nervoso, diz ao Alberto que terá que acertar contas com ele, caso se atreva a brincar com os sentimentos de sua amiga, Rosa. Alberto diz a Dora que não quer que as pessoas tenham a impressão de que exista algo mais do que uma relação de trabalho entre eles. Irritada, ela diz que da próxima vez pedirá para ser anunciada. Mariana liga para Silvana e fica sabendo que o pai da menina está muito mal. Marina e Silvana tratam de entrar escondidas na UTI para ver Orlando, mas são surpreendidas por Regina. O Dr. Raul diz a Regina que Orlando pediu para falar com algumas pessoas, entre elas Marina. Alberto pergunta a Rosa que tipo de relação ela tem com o Sebastião. Rosa não gosta nada da desconfiança de Alberto e diz que ele duvida de seus sentimentos, então é melhor terminar o relacionamento. Geraldo aconselha Regina a fazer alguma coisa para precipitar a morte do marido. Regina decide seguir o conselho do irmão e, na tentativa de provocar uma forte emoção, diz ao Orlando que Silvana não é filha deles. Regina, decidida a acabar com a vida do marido, revela que Silvana não é filha deles, que fingiu estar grávida para que ele não a deixasse e que só esteve a seu lado todos esses anos, interessada no seu dinheiro. Orlando não resiste à tanta emoção e morre. Geraldo informa ao sócio que Orlando faleceu e sua irmã tomou a decisão de não permitir que Silvana participe do grupo musical. O advogado de Orlando comunica a Regina que para a leitura do testamento deverão estar presentes o administrador e a tutora de Silvana. O advogado começa a leitura do testamento, onde Orlando nomeia Silvana sua herdeira universal. O Dr. Raul será o administrador de seus bens e Marina a tutora da menina. Regina reage com indignação ao testamento deixado pelo marido. Alberto presenteia Rosa com um anel de compromisso e a pede em casamento. Silvana, imponente, diz a Regina que sente muito que seu pai não a tenha incluido no testamento, mas se ela se comportar bem a presenteará com a casa onde vivem. Silvana também deixa claro que, de agora em diante, vai tratá-la como quiser, pois já sabe que ela não é sua mãe. Silvana diz a Regina que ouviu quando ela disse ao Orlando que ela não era filha de nenhum dos dois e a acusa da morte dele. Regina, preocupa em perder a boa vida que tem, pede ao Geraldo que a ajude a transformar Silvana numa cantora de sucesso e diz que já não se importa que sua irmã gêmea apareça. André recrimina seus amigos, Joaquim, Júlia e Felipe por ter contado que a tia os havia abandonado. Marina desmaia quando Ofélia lhe apresenta Mariana e ela percebe que a menina é idêntica a Silvana. Joaquim, Júlia e Felipe pedem ao André que não conte a ninguém, nem mesmo a seus pais, que a tia os abandonou. Marina diz a Silvana que viu sua sósia cantando em um festival e que ela se chama Mariana. Silvana conta a Marina que ouviu quando Regina disse ao Orlando que ela não é filha deles. Marina diz a Silvana que se isso for verdade então, com certeza, Mariana é sua irmã gêmea. Silvana pergunta a Mariana a data de seu nascimento e fica surpresa ao saber que foi no mesmo dia que ela. Geraldo diz a Regina que tem certeza que foi Mariana que se apresentou para o teste no lugar de Silvana. Geraldo diz à irmã que poderão explorar a menina através da gravadora e assim recuperar a fortuna que perderam por causa de Silvana. Dora mostra um lindo anel para Rosa, diz que foi presente de Alberto Del Rio e que ele a pediu em casamento. Rosa fica muito deprimida, pois acredita que foi enganada por ele. Júlia, mudando a voz, passa um trote na vizinha. Ela se faz passar por Florência e diz que se continuar perseguindo seus sobrinhos a denunciará para a polícia. Regina diz a Silvana que cumprirá o último desejo de seu pai e vai apoiá-la em sua carreira artística. Fortunato está muito feliz com os novos amigos da neta e por isso a autoriza a fazer parte do grupo musical. Ele comenta que só não confia em Geraldo, o diretor da gravadora. Clara aconselha Rosa a investigar se Alberto tem realmente algum relacionamento com Dora. Geraldo liga para Regina e diz que já está na cidade onde vive Mariana e conta que a menina é idêntica a Silvana. Silvana, chorando, diz a Marina que ficou muito triste ao saber que tinha uma irmã porque se lembrou da tristeza do pai quando soube da verdade. Silvana diz a Regina que não acredita em suas boas intenções, pois tem certeza de que esse suposto apoio é porque está com medo que ela diga que foi a responsável pela morte de seu pai. Regina não perde a chance de amedrontar a menina e diz que se ela contar o que sabe as pessoas pensarão que está transtornada com a morte do pai. Dora é informada que Priscila desapareceu. Regina surpreende Silvana no momento em que a menina, por telefone, diz ao Dr. Raul que quer vê-lo para contar a cena que presenciou na noite em que seu pai morreu. Em tom ameaçador Regina pergunta o quê, de tão importante, ela tem para conversar com o Raul. André, às escondidas, leva comida para seus amigos Joaquim, Júlia e Felipe. Os pais flagram o garoto e deixam claro que ele não precisa se esconder, pois sua atitude é muito nobre. Rosa diz a Alberto que pensou muito e que não aceita sua proposta de casamento. Rosa coloca um ponto final em seu relacionamento com Alberto. Dora consegue que Alberto vá levá-la em casa e o beija. Intrigado pelo telefonema de Silvana, Raul decide ir vê-la, mas ao chegar lá é recebido por Regina que alega que a filha está muito abalada pela morte do pai. Clara comenta com Rosa que Dora anda assediando o Alberto e que, provavelmente, conseguirá conquistá-lo. Meri comenta com Fortunato que Priscila não vai bem na escola e que seria melhor que desistisse dos ensaios. Dora finge um desmaio ao perceber que Rosa se dirige ao escritório de Alberto. Ela se joga nos braços do rapaz e Rosa ao ver a cena pensa que os dois estavam se beijando. Enciumada, ela lhe devolve o anel e diz que não quer vê-lo nunca mais. Priscila chega ao apartamento dos colegas de grupo e diz a eles que fugiu de casa porque seus avós querem proibi-la de continuar cantando. Depois, ela liga para a mãe e diz que não pretende voltar para a casa dos avós. Priscila diz a Dora que só voltará para a casa dos avós, quando eles aceitarem que ela faça parte do grupo musical. Mariana diz à mãe que não gosta de vê-la triste e comenta com Ramon que tem um pressentimento de algo ruim vai acontecer. Silvana, com medo das ameaças de Regina, não conta ao Raul tudo que sabe. Ela diz apenas que viu quando Regina deixou seu pai nervoso e que isso provocou o infarto. Raul tenta tranqüilizá-la dizendo que Orlando estava muito grave e que, certamente, não foi isso que provocou a sua morte. Dora leva a filha de volta para a casa de seus avós e diz aos pais que a menina continuará participando dos ensaios do grupo musical. Fortunato enfrenta a filha e diz que ela não tem nenhum direito de tirar a autoridade que eles têm sobre a menina. Regina leva Geraldo até a casa onde eles pretendem esconder Silvana. Alberto faz uma serenata para Rosa. Sebastião, enciumado, diz ao pai que vai acertar as contas com Alberto. Helena pede a ele que pense muito bem antes de fazer um escândalo. Priscila diz a Silvana que ela deve se afastar do grupo, pois não sabe cantar. Indignada com a concorrente, ela diz a Marina que vai dar uma lição em Priscila. Raul diz a Geraldo e Regina que, pensando no bem de sua afilhada, pretende submetê-los a uma avaliação psicológica, pois já está sabendo o que aconteceu na noite em que Orlando morreu. Silvana entra na sala onde estão Geraldo, Raul e Regina e exige que Geraldo expulse Priscila do grupo. Geraldo se aproveita do nervosismo de Silvana para propor ao Raul que comece o tratamento psicológico pela menina, pois parece que ela está perdendo a razão. Rosa liga para Alberto. Dora atende o telefone e informa que ele está no banho. Regina pede a Silvana que a ajude a levar os objetos de seu pai para o porão, pois pretende fazer uma espécie de altar onde só elas poderão entrar. Alice faz uma limpeza no apartamento das crianças, e pergunta a Joaquim, Júlia e Felipe o que faz uma perna debaixo da cama. Mariana é abordada por um desconhecido, que tapa sua boca e a leva embora. Geraldo ordena a seus capangas que seqüestrem Mariana. Assustada, Alice pergunta aos meninos o que faz um perna debaixo da cama e desconfia que eles mataram a tia. Alberto pede perdão a Rosa e tenta beijá-la. Geraldo avisa a irmã que já está com Mariana e Regina tranca Silvana no porão. Regina bate em Mariana quando ela volta a si e chora ao ver que não está em sua casa. Geraldo ameaça a menina e diz que, se ela não quiser que aconteça nada com a sua família, terá que se fazer passar por Silvana. Helena e Sebastião contam a Rosa que não sabem do paradeiro de sua filha. Marina desconfia que Regina quer fazer mal a Silvana. Silvana cai e perde os sentidos. Silvana tenta arrombar a janela, mas acaba caindo e desmaia. Dora tenta seduzir Alberto. Alberto, ao ficar sabendo do desaparecimento de Mariana, vai até a casa de Rosa para oferecer sua ajuda. Mariana pressente que Silvana está ferida e quer ajudá-la. Regina diz aos empregados que colocará vigias na casa, já que houve uma tentativa de assalto e Marina está envolvida. Silvana pergunta a Regina porque a mantém trancada. Geraldo chantageia Marina e diz que, se ela se importa tanto com a felicidade da menina, deverá ajudá-lo para que Regina recupere a fortuna do marido. Marina conta para Silvana que Geraldo e Regina seqüestraram Mariana e a obrigaram a se passar por ela. Silvana acredita que sua mãe verdadeira a abandonou e que nunca vai perdoá-la por isso. Dora acusa Rosa de ter inventado a história do seqüestro da filha para tirar dinheiro de Alberto. Rosa, indignada com as acusações, dá uma bofetada em Dora. Sebastião confessa ao pai que se sente culpado pelo desaparecimento de Mariana. Silvana pergunta a Marina quanto recebe de Regina para mantê-la trancada. Mariana comenta com Regina que Geraldo lhe disse que pretendem mantê-la seqüestrada por tempo indeterminado. Regina aproveita para ameaçar a garota dizendo que, se não colaborar, sua família pode ser atingida. Joaquim e seus irmãos voltam a ser importunados pela vizinha, que insiste em entrar para revistar o apartamento. Alberto diz a Rosa que se sente um pouco culpado pelo desaparecimento de Mariana e se oferece para ajudá-la no que for preciso para encontrar a sua filha. Dora vê a foto de Mariana no jornal e percebe que ela é idêntica a Silvana, a menina que conheceu no dia da audição. Damião, intrigado, pergunta a Marina se ela sabe o que está acontecendo, pois Regina lhe disse que Silvana deixará de ir para a escola e que, a partir de agora, o Sombra será seu motorista. Geraldo garante a Regina que nunca serão descobertos, pois a mãe de Mariana desconhece que deu a luz a gêmeas. Regina diz a Mariana que viverão muitos anos juntas e, portanto, ela deve fazer com que a convivência seja pacifica, pois, caso contrário, nunca mais voltará a ver sua mãe. Silvana pede a Marina que não conte a Mariana que são irmãs gêmeas. Marina diz a Silvana que Mariana é uma vítima nas mãos de Regina e Geraldo, que a obrigam a estar no seu lugar. Geraldo, se fazendo passar pelo pai de Mariana, telefona para a escola e diz que não precisam continuar procurando-a, pois a menina está com ele. Priscila pressiona Geraldo para expulsar Silvana do grupo. Geraldo fica irritado com a exigência de Priscila e deixa claro para a menina que nem ela, nem a sua mãe lhe dirão como deve agir. Marina conta para Mariana que Silvana está trancada no porão e diz que as três devem se unir para driblar a vigilância e fugir para bem longe. Rosa pergunta ao Sebastião se ele ligou para o jornal e cancelou a publicação da nota sobre o desaparecimento de sua filha. Sebastião garante que, embora não concorde com o anúncio, não foi ele quem o cancelou. Marina conta para Mariana que Silvana é sua irmã gêmea. A revelação faz Mariana lembrar que sua mãe comentou que tinha certeza que esperava gêmeas, mas que o médico lhe disse que havia se enganado, pois deu à luz a apenas um bebê. Mariana pede a Marina que a ajude escapar para ver sua família. Marina se nega e diz que no momento está mais preocupada com o que pode acontecer a Silvana, pois Regina e Geraldo seriam capazes de matá-la. Marina diz a Silvana que já contou toda a verdade para Mariana. Marina conta a Silvana que Mariana já sabe que são irmãs e diz que, só investigando, poderão descobrir a verdade sobre o mistério que envolve o nascimento das duas. Alberto se oferece para ajudar Rosa a encontrar sua filha e ela aceita. Fausto exige que Florência saque o dinheiro da conta bancária dos seus sobrinhos. Ela se recusa e acaba sendo espancada pelo marido. Mariana pede a Marina que entre em contato com a sua mãe para dizer que ela está bem e que um dia voltará para casa. Joaquim percebe que falta dinheiro em sua conta bancária. Vicente e Alice pressionam André para que diga o que aconteceu com a tia de Joaquim. André corre para avisar os amigos e diz ao Joaquim e seus irmãos que, se não contarem a verdade, seus pais irão investigar o caso. Joaquim conta ao Vicente que sua tia os abandonou. Mariana envia uma carta para Silvana onde diz à irmã que a ama muito. Helena diz a Rosa que alguém telefonou para dizer que Mariana está bem e que algum dia voltará para casa. Alberto diz a Rosa que a ama e os dois se beijam. Silvana tenta fugir, mas é surpreendida por Regina, que ameaça castigá-la caso tente escapar novamente. Geraldo diz a Dora que vai lhe dar uma grande quantia em dinheiro para que ela continue guardando o segredo sobre a paternidade de Priscila. Silvana e Mariana se vestem igual para tentar confundir Regina e Geraldo. Regina diz que descobrirá quem é quem quando colocar as duas para cantar, já que uma das duas é desafinada. Regina tenta identificar Silvana, mas seu plano não dá certo, pois as gêmeas, de comum acordo, cantam mal. Durante um desfile de moda, Priscila coloca o pé na frente de Silvana e provoca a queda da menina. Marina diz a Silvana que talvez o Joaquim possa ajudá-las. Silvana discute com Priscila e as duas levam uma tremenda bronca de Vicente, que diz às meninas que elas precisam aprender a conviver em grupo, caso contrário, não poderão fazer parte do conjunto "Cúmplices de um Resgate". Raul vai visitar Silvana, mas Regina se encarrega de evitar o encontro, pois tem medo que as meninas se identifiquem. Depois, Regina mostra a foto de D. Pura e ameaça fazer mal a ela, caso as duas decidam dizer quem é Mariana e quem é Silvana. Mariana, muito assustada, diz a Regina que fará tudo que ela quiser, desde que não faça nada contra sua avó. Marina e Mariana tentam, mas não conseguem chegar ao local onde Silvana está trancada. Mariana entrega ao Joaquim um bilhete pedindo sua ajuda para salvar Silvana. Priscila flagra Mariana e conta tudo para Regina. Geraldo diz a Regina que a pirataria é seu melhor negócio e que, antes do CD do grupo "Cúmplices de um Resgate" seja lançado pela gravadora, ele já estará circulando por todo o país. Regina pede a Priscila que vigie todos os passos de "Silvana" (na verdade Mariana) e seus amigos. Mariana pergunta a Regina porque ela odeia tanto a Silvana. No bilhete que Mariana entregou ao Joaquim, há um mapa da casa de Silvana e um pedido para que a ajudem a resgatar a menina. Mariana recebe uma visita e fica muito nervosa, pois nem imagina quem seja aquele homem. Raul está frente a frente com Mariana e nem imagina que aquela garota não é a Silvana. Regina aparece para impedir que os dois fiquem sozinhos. Raul pergunta onde está Marina e Regina diz que ela se casou e viajou em lua-de-mel. Regina envia um bolo com sonífero para a casa dos amigos de Mariana com a intenção de que as crianças durmam e ela possa pegar o bilhete que Mariana entregou ao Joaquim. Mas, o plano não dá certo e os garotos saem para resgatar a Silvana. Os garotos conseguem entrar na mansão e Silvana se surpreende ao vê-los. Felipe diz que vão tirá-la de lá. Geraldo está começando a carregar o caminhão com a mercadoria pirata, quando tem início um tiroteio. Furioso, Geraldo diz aos comparsas que, por causa dessa operação policial, perderá muito dinheiro e que pretende se esconder por algum tempo. Os garotos do grupo "Cúmplices de um Resgate" conseguem libertar Silvana. Joaquim e seus irmãos levam a menina para sua casa e pedem ajuda ao Vicente. Silvana. Cambaleante, tenta fugir do local, pois tem medo que Regina e Geraldo a encontrem. Depois de ser resgatada pelos garotos do grupo, Silvana foge da casa de Joaquim e seus irmãos. Doente e muito assustada, ela tem medo de que Regina a encontre e volte a prendê-la no porão. Mariana diz a Marina que está se sentindo muito mal e conta que sempre que isso acontece é porque sua irmã está doente. Silvana, com febre muito alta, desmaia no meio da rua e cai na frente de um carro. Lola diz a Regina que Silvana não está no quarto. Furiosa, ela pressiona Mariana e ameaça espancá-la se não disser onde está Silvana. Marina defende a menina e acaba sendo esbofeteada pela patroa. Vicente acompanha Joaquim até o banco para esclarecer os saques que foram feitos em sua conta bancária. O gerente explica que as movimentações foram feitas de uma cidade do interior. Regina conta ao Geraldo sobre a fuga de Silvana e culpa o irmão por ter falhado na vigilância. Vicente diz ao Felipe que ele também fará parte do grupo "Cúmplices de um Resgate". Silvana é socorrida por um motorista e levada para uma UTI com um quadro grave de pneumonia. O Dr. Ramirez comenta com a enfermeira que o estado da menina é crítico. O Dr. Ramos diz ao Sr. Vargas que encontrou um CD pirata do grupo "Cúmplices de um Resgate" e garante que está sendo traído por alguém. Mariana pergunta ao Joaquim como Silvana está e ele conta que a menina fugiu de seu apartamento. Alberto comunica a Dora que Rosa passará a trabalhar com ele para aprender a gerenciar a empresa. Indignada, Dora procura Rosa para dizer que não se dará por vencida e lutará para recuperar o amor de Alberto e para impedir que ela ocupe seu lugar na empresa. A primeira apresentação do grupo "Cúmplices de um Resgate" é um grande sucesso. Sebastião é levado para a delegacia acusado de agredir ao homem que assediou Helena. Joaquim diz aos amigos que farão de tudo para encontrar Silvana. Mariana pergunta ao "Sombra" se tem alguma notícia de Silvana. Ele mente dizendo que a menina já foi encontrada. O médico que está cuidando de Silvana diz à enfermeira que, se não aparecer nenhum parente da menina, terá que informar a polícia. Furiosa com a decisão de Alberto de ensinar a Rosa o funcionamento da empresa, Dora pede ao Pepe que a ajude a se desfazer de Rosa. Dora telefona para Priscila e a parabeniza pela apresentação no grupo "Cúmplices de um Resgate". Marina pede a Lola que a deixe sair, pois precisa encontrar a Silvana e oferece uma quantia maior do que o dinheiro que Regina lhe deu. Priscila, enciumada, pergunta ao Joaquim porque ele a deixa de lado e passa o tempo todo falando da Silvana. O garoto, sem rodeios, diz a ela que não quer saber da sua amizade porque é muito fofoqueira. Raul recebe um telefonema do hospital para que atenda o caso de uma menina que está muito grave. Ele sai de casa sem imaginar que se trata de Silvana. Com o intuito de descobrir o paradeiro de Silvana, Regina organiza uma festa para as crianças do grupo "Cúmplices de um Resgate" e encarrega Priscila de prestar atenção na conversa dos meninos. As crianças aprontam a maior confusão e fazem uma guerra com pedaços de bolo. Regina fica furiosa e expulsa a todos de sua casa. Dora está decidida a tirar Rosa de seu caminho. Ela diz para a rival que vai encarregá-la de realizar um trabalho e caso não consiga ela se encarregará de deixá-la mal diante de Alberto. O Dr. Ramirez telefona para a gravadora e informa que uma garota idêntica à menina do grupo infantil está internada em estado grave. Geraldo dá a notícia a Regina e os dois torcem para que Silvana morra. Regina diz a Mariana que sempre soube onde Silvana estava e conta que a menina está muito doente. Regina diz a Mariana que sua irmã gêmea está muito doente e que ela continuará trancada e longe de sua família. Fortunato pergunta ao Geraldo que tipo de relação ele tinha com o pai de Priscila e se sabe onde pode encontrá-lo. Silvana começa a superar a crise, mas fica muito alterada ao receber a visita de Geraldo que, diante de todos, finge uma falsa preocupação pela saúde da menina. Geraldo diz a Regina que devem deixar Silvana sob vigilância para evitar que ela volte a fugir. Berta diz a Dora que, se Rosa e Clara continuarem à frente da cooperativa, ela deixará a empresa, pois acha injusto o tratamento diferenciado dispensado a elas. Joaquim e seus amigos finalmente encontram Silvana. Mariana ouve uma conversa entre Geraldo e Regina, onde os irmãos decidem eliminar Marina, pois ela atrapalha seus planos. Assustada, Mariana ouve Regina e Geraldo planejarem o desaparecimento de Marina. Marina finge uma dor de estômago e, quando Laurinha entra no quarto para levar um chá é surpreendida por Marina que consegue amordaçá-la e foge. Damião ajuda Marina fugir, mas logo são capturados pelos capangas de Reguna. Dora volta a discutir com Alberto por ele se recusar a acompanhá-la nos compromisso
iG - Internet Group


* Assine
* E-mail
* SAC
* Canais


iBest
brTurbo
s da empresa. Geraldo dá ordens a seus capangas para que sumam com Marina o mais rápido possível. Geraldo ordena a seus capangas que eliminem Marina. Fausto exige que Florência volte a sacar dinheiro da conta de seus sobrinhos. O gerente do banco informa ao Vicente que voltaram a efetuar saques na conta das crianças. Vicente promete ao Joaquim e seus irmãos que contratará um advogado para resolver o problema do banco. Joaquim diz a Mariana que já sabe onde está Silvana e ele e seus amigos vão resgatá-la. Silvana tenta fugir do hospital, mas Geraldo chega à tempo de impedi-la. E, para impedir que isso volte a acontecer, pede ao médico que lhe dê alta. Rosa confessa ao Alberto que o ama e diz que não resistirá a uma desilusão. Geraldo fica surpreso quando Felipe manda lembranças para Mariana. Ao perceber a trapalhada em que o irmão se meteu, Joaquim explica que ele quis dizer Silvana. Damião aconselha Ofélio a procurar Marina. Mariana consegue escapar e corre para contar a Marina que seus amigos já encontraram Silvana e que vão resgatá-la. Geraldo comenta com Regina que encontrou os meninos do grupo "Cúmplices de um Resgate" perto do hospital onde Silvana está internada. Ele diz estar desconfiado que os meninos sabem de alguma coisa, pois perguntaram por Mariana. Regina e Geraldo levam Silvana de volta para a casa. No caminho, encontram Rosa e Silvana diz que acaba de ver a sua mãe. Joaquim consegue se comunicar com Mariana e diz que não conseguiram resgatar Silvana, por que Geraldo e Regina chegaram antes e a levaram embora. Regina pergunta a Mariana porque seus companheiros de grupo sabem seu nome verdadeiro. Ofélio e Mariana se reconhecem e se abraçam. Ofélio conta a Mariana que no povoado só se fala de seu desaparecimento e que sua mãe está muito preocupada. Mariana diz ao Ofélio que, por enquanto, não poderá voltar nem explicar o que está acontecendo porque ela, Silvana e Marina estão correndo risco de vida. Marina olha pela fechadura e vê o Ofélio. Joaquim, Júlia e Felipe conseguem entrar no escritório de Geraldo e encontram fotos de Mariana. Alberto pede a Rosa que não volte a sair do convento sem avisá-lo. Dora convida Priscila para jantar em um restaurante e a presenteia com uma caixa de colares. Dona Pura conta ao médico que, quando sua filha estava grávida, tinha a certeza de que esperava gêmeos e ficou muito surpresa quando deu à luz apenas a uma menina. Ele pergunta onde Rosa teve a criança e fica desconcertado quando ela diz que foi no hospital rural. Geraldo mostra a Regina um aparelho para queimar CDs e diz que com isso vão se recuperar financeiramente. Geraldo e Regina trancam Silvana e Marina na adega da casa. Muito preocupada, Mariana pergunta ao Ofélio se sabe onde estão Silvana e Marina. Ele responde que sabe onde elas estão e que vai salvá-las. O médico fica muito desconcertado quando D. Pura conta que Rosa teve só uma filha, quando ele tem absoluta certeza de que trouxe duas crianças ao mundo. Sem tecer qualquer comentário com D. Pura, ele decide procurar a enfermeira que o ajudou no parto. Rosa conta ao Alberto que já foi nomeada como coordenadora de todas as trabalhadoras da cooperativa. Alberto, imediatamente, procura Dora e pede a ela que arranje uma sala para Rosa e, caso não haja nenhuma disponível, que ceda a sua. Clara beija seus filhos carinhosamente. Dóris diz que o pai de seu amigo Omar a convidou para uma festa de aniversário, mas que seu irmão, Mateus, não quer acompanhá-la. O menino explica à mãe que não se sente bem na casa de seu amigo, pois seu pai é rico, convencido e, o que é pior, tem má índole. Luiz pensa que conseguiu domar o cavalo "Dourado" e, ao montá-lo, é derrubado. Raul, intrigado com o comportamento de Silvana, pede ao Alberto que tente descobrir com Regina o que está acontecendo com a menina, pois ela age como se tivesse medo dele. Alberto diz ao Raul que não quer ter problemas com a Rosa, pois se ela descobrir o que está acontecendo pode interpretar mal a sua atitude. Rosa flagra Regina beijando Alberto e pensa que ela o enganou dizendo que estaria com o Raul. Mariana chora e diz ao Joaquim que sente muita saudade de sua mãe. Joaquim diz que gosta muito dela e que ele e seus irmãos farão de tudo para que logo ela possa estar ao lado de sua mãe. Silvana diz a Marina que precisa encontrar uma maneira de escapar do cativeiro para investigar o que há atrás daquela porta. D. Pura comenta com Helena que faz muito tempo que não tem notícias do Dr. Arruda e decide perguntar ao padre se tem notícias dele. Ramon insiste para que Mateus e Dóris o acompanhem à festa na casa de seu amigo Omar. Mateus diz que não está interessado na amizade desse menino e que não irá à festa. Priscila sonha em ocupar o lugar de Silvana no grupo musical e, principalmente, de conquistar o Joaquim. Joaquim conversa com os integrantes do grupo "Cúmplices de um Resgate" e diz que precisam manter o Geraldo bem vigiado, pois tem certeza de que ele os levará até o esconderijo onde está Silvana. Os integrantes do grupo "Cúmplices de um Resgate" chegam á conclusão de que se vigiarem o Geraldo chegarão ao esconderijo onde está Silvana. Ramon pede a Dóris e Mateus que o acompanhem à festa para cantarem uma música em homenagem ao aniversário de Omar. Vicente chega com alguns rádios de comunicação. Os garotos comentam entre si que esta é a solução para vigiar Geraldo. Felipe consegue se esconder no porta-malas da pick-up de Geraldo. Alberto pergunta a Rosa porque não permitiu que ele a acompanhasse à sessão de orientação sobre crianças seqüestradas. Rosa, indignada, diz que não aceitou sua companhia por que acaba de descobrir que ele não a ama. Assustado e, com medo de ser descoberto, Felipe acaba urinando na cabeça do segurança de Geraldo. Geraldo estaciona na frente de um bar. Felipe sai da pick-up para tentar descobrir o esconderijo onde está Silvana. Ele consegue chegar até onde estão Silvana e Marina e diz a elas que o grupo "Cúmplices de um Resgate" vão tirá-las de lá. Rosa pergunta ao Alberto até onde foi sua relação com Dora. Ele conta que os dois estavam de casamento marcado, mas que ela decidiu terminar o compromisso para dar a volta ao mundo. O Dr. Arruda viaja para a capital para tentar encontrar a pessoa que roubou a gêmea que Rosa deu à luz. Antes de partir, ele deixa uma carta para D. Pura explicando que estará ausente por alguns dias para resolver um assunto particular. Felipe diz a Silvana que vai buscar os outros integrantes do grupo para resgatá-la. Enquanto isso, Joaquim e a turma estão na casa de Silvana à procura de Felipe. Felipe chega á gravadora e não entende porque Joaquim e os outros integrantes do grupo não estão esperando por ele. Vicente pergunta aos garotos do grupo porque não pediram permissão para usar os rádios-comunicadores e diz que o que eles abusaram de sua confiança. Felipe acorda e percebe que ainda está na gravadora. Ele telefona para seus irmãos e pergunta porque não foram buscá-lo. Priscila diz aos avós que quer ser a vocalista do grupo e que pedirá á sua mãe que convença o Geraldo a ajudá-la a realizar seu sonho. Vicente diz aos meninos que vai pedir ao Geraldo que, antes de fechar a gravadora, se certifique de que não há ninguém lá dentro. Joaquim pede a ele que não diga nada, pois Geraldo é capaz de expulsar seu irmão do grupo. Regina diz a Priscila que pode ajudá-la a ser a vocalista do grupo, mas para isso terá que vigiar Silvana e seus companheiros. Ramon canta uma música em homenagem ao aniversariante e pede a ele que suba ao palco para que cantem juntos. Omar fica irritado porque o pai o obriga a subir ao palco e diz que isso é para gente idiota. Para cumprir as ordens de Regina que quer que ela vigie os integrantes do grupo, Priscila convida todos para almoçar em sua casa. Mariana desconfia que algo estranho está acontecendo, pois flagrou Priscila e Regina conversando misteriosamente. Mariana diz aos seus colegas que precisam tomar muito cuidado com Geraldo e Regina. Joel dá um cavalo de presente ao Omar. O menino monta o animal e é derrubado por ele. Ramon pede ao garoto que não maltrate o animal. Regina pede ao irmão que lhe dê o endereço onde Silvana está escondida. Mariana ouve a conversa e pede ao Ofélio que entregue o endereço para os integrantes do grupo "Cúmplices de um Resgate" para que eles possam resgatar Silvana e Marina. Regina entra repentinamente e Ofélio se esconde debaixo da cama. Regina diz a Mariana que Priscila é sua convidada e exige que ela a trate bem. Bertha diz a Dora que Rosa logo terá que fechar sua cooperativa. Dora a aconselha a não se meter com Rosa. Omar reclama com o pai que Mateus o agrediu e diz que não quer o cavalo que ele lhe deu de presente. Joel dá ordens ao Hermínio para que sacrifique o animal e demita o pai de Mateus. Rosa pergunta a Clara como anda o funcionamento da cooperativa. Ela explica que há muito tempo não aparece nenhum pedido e, se continuar assim, terá que fechar a empresa. Joaquim e seus amigos fazem planos para o resgate de Silvana. André não consegue a autorização dos pais para sair e decide fugir para acompanhar os amigos no resgate. André conta aos amigos o seu plano de fugir e é aconselhado por Joaquim a não fazer isso com seus pais. Mateus e Dóris ficam tristes ao ouvir seu pai dizer que está pensando em ir trabalhar nos Estados Unidos. Mariana pede ao Ofélio que os leve até o local onde estão Silvana e Marina para que eles possam resgatá-las. Inconformada, Rosa pergunta ao Alberto porque a cooperativa, que deixou em suas mãos, tem uma qualificação tão baixa no mercado. Ela diz que quase não tem trabalho e que não foi avisada sobre a real situação da empresa. Alberto diz que se o problema for de sua responsabilidade tudo será resolvido e pede a ela que não leve o caso para o lado pessoal. Joel continua pressionando Hermínio para que mate o cavalo pois, caso contrário, terá que demiti-lo. Hermínio, sem coragem de matar o animal e, com medo de perder o emprego, acaba facilitando a fuga do animal. Finalmente, acontece o encontro entre Mariana e Silvana e as gêmeas se abraçam carinhosamente. Mariana lembra Silvana do que haviam combinado e diz que ela terá que se fazer passar por "Mariana" e amar muito a sua mãe. Enquanto isso, ela voltará para Regina e Geraldo, pois eles ameaçaram atingir sua família caso não cumpra com o que foi combinado. Silvana diz que seu pai morreu com o sonho de que ela se transformasse numa grande cantora e faz Mariana prometer que fará de tudo para que o grupo musical seja um sucesso e para recuperar sua fortuna. Mariana promete à irmã que Silvana Del Vale será um grande sucesso. Mariana promete à irmã que Silvana Del Valle será uma estrela. Dóris e Mateus contam ao Sebastião que Omar fez de tudo, para que seu pai fosse demitido da fazenda e pedem a ele que arranje um emprego ao seu pai, para que ele não tenha de ir embora da cidade. Mariana diz que nunca abandonará Silvana. Todos se dirigem para a caminhonete de Ofélio, mas Marina tem dificuldades para subir e é capturada por um dos capangas de Regina e Geraldo. Ele ameaça agredi-la se ela se negar a dizer quem ajudou Silvana a fugir. Ofélio quer voltar para resgatar Marina, mas as crianças o convencem a deixar primeiro Silvana em um lugar seguro. Florência finalmente percebe que Fausto só queria explorá-la e termina seu relacionamento com ele, mas decide não voltar a procurar os sobrinhos, pois acredita que nunca será perdoada por eles. Os integrantes do grupo musical "Cúmplices de um Resgate" estão felizes por terem conseguido resgatar Silvana e planejam levá-la para a cidade onde vive Mariana, para que Geraldo e Regina não consigam encontrá-la. Vicente percebe que André fugiu de casa e vai buscá-lo na casa de Joaquim. Vicente pede ao André e seus amigos que expliquem o que está acontecendo. E diz que, como castigo pelo filho ter fugido, só vai permitir que ele saia de casa para ir aos ensaios. Mateus pede ao Omar que readmita seu pai. Para humilhar o menino, Omar exige que o menino peça de joelhos. Luiz se despede de Clara e diz que não vai esperar pelos filhos, pois não suportaria vê-los chorar. Sebastião, Helena e os garotos se preparam para uma série de shows pela região. Eles não perdem a esperança de encontrar Mariana, mas seus planos são frustrados quando o carro quebra no meio da estrada. Durante entrevista coletiva com o grupo "Cúmplices de um Resgate", Geraldo é informado da fuga de Silvana. Sebastião vê um cartaz do grupo "Cúmplices de um Resgate" e fica surpreso ao ver a foto de Mariana. Surpreso ao ver a foto de Mariana no cartaz, Sebastião decide assistir ao show para se certificar de que é mesmo Mariana. Furioso, Geraldo diz ao capanga que se encarregará pessoalmente de exigir que Marina diga onde está Silvana. Joaquim e seus colegas de grupo estão preocupados com a vizinha, Meire, pois, como é muito curiosa, é capaz de descobrir que Silvana está escondida no apartamento. Dora entrega um cheque a Bertha e lhe dá uns dias de férias. Ela explica que agora, com Rosa coordenando a cooperativa, terão que fechar a sua por um bom tempo. Joaquim conta a Silvana que ele e seus irmãos vivem sozinhos porque a tia os abandonou. Ele pede a Silvana que guarde segredo e explica que tem medo que as pessoas descubram e que eles sejam separados e levados para orfanatos diferentes. Sebastião comenta com Helena o problema de Luiz e diz que tanto Mateus quanto Dóris não querem que Ramon descubra que Omar não é seu amigo e também diz que precisa confessar algo importante. Sebastião diz a Helena que precisa encontrar Mariana para levá-la até Rosa. Geraldo está indignado por não ter notícias de Silvana e, principalmente, por que não quer que Regina assuma a direção de relações públicas da gravadora. Sebastião está decidido a revelar a todos que descobriu o paradeiro de Mariana e, com a intenção de que todos vejam Mariana, convida Helena e os outros componentes do grupo para assistir ao show do grupo "Cúmplices de um Resgate". Geraldo conta à irmã que Silvana conseguiu fugir. Regina fica furiosa com a notícia e lembra o irmão de que, se Silvana decidir dizer o que sabe, eles irão para a cadeia. Sebastião leva os meninos para passear no zoológico. Joaquim e seus irmãos escondem Silvana no clube. Vicente estranha que Joaquim e seus irmãos não tenham comparecido ao ensaio. Irritado com o atraso das crianças, Vicente pergunta a Mariana quem permitiu que Joaquim e seus irmãos não comparecessem ao ensaio. Mais tarde, no teatro, Vicente pergunta ao Joaquim pelo Felipe e ele diz que seu irmão não está passando bem do estômago e por isso não pode ir ao show dos "Cúmplices de um Resgate". Helena não tem dúvidas e fica muito emocionada ao reconhecer a sobrinha, Mariana. Dóris comenta que a cantora do grupo é idêntica a Mariana e Ramon reconhece a sua voz e insiste que não poderia ser outra pessoa. Mateus, ao contrário, está convencido de que não se trata da mesma pessoa, pois todos a chamam de Silvana. Fortunato culpa a esposa pelo comportamento agressivo da filha e diz. Dora desconta em Priscila tudo que sofreu com a indiferença da mãe em relação a ela. No final da apresentação, eles se aproximam do palco e, Sebastião e Helena, gritam por Mariana. A menina fica muito surpresa ao vê-los. Com medo de represálias, a garota finge não reconhecer a tia, Helena, e Sebastião e jura, afirmando, que seu nome é Silvana. Sebastião não acredita na história contada pela garota e diz a Helena que vai investigar o que está acontecendo. Mas, antes disso, Joaquim entrega a Dóris uma carta de Mariana onde ela diz que está sendo ameaçada e pede para que confiem em Joaquim, pois ele vai ajudá-los porque pode ser um bom aliado na difícil missão de libertá-la. Joaquim, Dóris, Mateus e Ramon se reúnem para planejar uma maneira segura de levar "Mariana" para sua cidade e todos vão acampar sozinhos, depois do consentimento de Helena e Sebastião. Silvana diz que já está cansada de fingir que é Mariana e que, muito em breve, todos vão saber que ela é Silvana do Vale. Regina pressiona Geraldo dizendo que ele já deveria ter obrigado Marina a dizer onde a menina está escondida. Geraldo diz a Regina que não gosta que ela se meta na sua maneira de agir. Geraldo e Regina discutem por que ela acha que o irmão está sendo muito tolerante quanto ao desaparecimento de Silvana. Regina diz a Mariana que ela, com certeza, sabe quem ajudou Silvana a fugir e exige que a menina conte o que sabe. Assustada, Mariana diz que não sabe de nada, pois há muito tempo vive trancada. Priscila diz a Mariana, achando que é Silvana, que gosta muito de sua mãe e deveria ser como ela. Mariana chega à conclusão de que Priscila e Silvana são egoístas por que não tiveram uma mãe como a sua. Priscila, por sua vez, pensa que Silvana teve um pai que a mimou demais, enquanto ela não sabe sequer se seu pai morreu ou a enganaram. Dora admite que, só por orgulho, não gosta de ver Alberto e Rosa juntos, mas diz que vai fazer com que a rival se arrependa de tê-la desafiado. Marina é ameaçada pelo Sombra e, sob tortura, acaba dizendo onde está Silvana. O Sombra diz que vai procurar Silvana na cidade onde mora a família de Mariana. Geraldo chega no local onde produzem os discos piratas e o Sombra comunica ao chefe que Marina mencionou a cidade onde vive Mariana e que ele vai até lá procurar por Silvana. Geraldo, furioso, ameaça Marina e diz que seu fim está próximo. Ofélio ouve a conversa e o nervosismo faz com que ele derrube um balde de água em cima de Geraldo. Irritada, Priscila diz a "Mariana" que Joaquim e seus amigos disseram que ela não vai acompanhá-los nos shows. O Sombra e seu comparsa cruzam com Silvana e seus amigos na estrada. Começa a perseguição, quando eles estão á ponto de alcançá-los, os meninos conseguem se esconder. Silvana pergunta ao Joaquim se ele imagina quem pode ter contado que eles viajariam para o interior. Mariana diz a Regina que Priscila está muito inquieta e que quer muito encontrar o Joaquim. Regina comunica a Priscila e Mariana que é a nova diretora de Relações Públicas da gravadora e que cabe a ela decidir que será a vocalista do grupo. Meire não desiste de perseguir os garotos e diz ao Dino que precisam continuar investigando para conseguir provas de que Joaquim e seus irmãos vivem sozinhos no apartamento. Os integrantes do grupo "Cúmplices de um Resgate" estão á caminho da cidade de Mariana, quando voltam a encontrar o Sombra e seu comparsa. Eles golpeiam os dois na cabeça e, aproveitam o desmaio para escapar em algumas lanchas que conseguiram emprestadas. Ofélio entrega ao Sebastião a carta que Joaquim deixou dizendo que estão bem e que o esperam na saída da cidade. Artur comunica ao Geraldo que deve comunicar à empresa a nomeação de Regina como a nova diretora de Relações Públicas. Regina, cínica, diz ao irmão que, pelo menos diante de Artur, deve tentar disfarçar que não está nada satisfeito com sua nomeação para o cargo. Uma das lanchas ocupada pelos "Cúmplices de um Resgate" sofre uma avaria e Ramon consegue consertá-la. Silvana, admirada, elogia sua inteligência e diz que seu problema visual não o limita em nada. Regina pergunta ao irmão porque está tão incomodado com sua presença na empresa e insinua que talvez ele esteja escondendo alguma coisa. Dulce acaba caindo no lago, mas é resgatada pelo grupo. Sebastião diz a Helena que devem confiar nos garotos. Helena concorda, mas diz se sentir culpada pelo desaparecimento de Mariana e teme que volte a acontecer. Omar encontra Sônia no estábulo com Hermínio e ameaça contar tudo ao seu pai. Na tentativa de capturar os garotos, o Sombra e seu comparsa alugam uma lancha com problemas e acabam afundando. Assustados, eles gritam por socorro, pois nenhum dos dois sabe nadar. Dora vai até a casa dos pais para visitar Priscila e Fortunato critica sua falta de atenção para com a filha. Ele admite que cometeu erros, mas que isso não justifica que ela faça o mesmo com sua própria filha. Joel marca uma reunião com Geraldo para resolver alguns assuntos pendentes e dizer que, de agora em diante, deve informá-lo de tudo que acontece na gravadora. Priscila diz a Mariana que já não antipatiza com ela e pede para que sejam amigas. Priscila diz a Mariana que não pode existir segredos entre elas e aproveita para perguntar se Joaquim e seus irmãos moram sozinhos. Mariana diz que eles vivem com a tia Florência e que, quando ela não está, Vicente e Alice cuidam dos meninos. Joel marca uma reunião com Geraldo para resolver alguns assuntos pendentes e Geraldo dá ordens a um capanga para que, assim que escurecer, mate Marina. Alberto diz a Rosa que tem um almoço com um cliente e, logo depois é flagrado por ela beijando Dora. Priscila tenta colocar Mariana contra os garotos do grupo dizendo que é muito estranho que eles tomem decisões sem consultá-la. Regina diz a Mariana e Priscila que tem muitos planos para o grupo e, principalmente, para as solistas. Priscila comenta com a avó que Silvana vive numa casa luxuosa, que tem tudo do melhor e uma mãe que se preocupa com ela não como a sua que nunca tem tempo para conversar nem para saírem juntas. Helena, cansada de lutar por seu amor impossível, comunica ao Sebastião que decidiu terminar seus estudos na capital e pergunta a ele se ainda está apaixonado pela Rosa. Dona Meire e seu sobrinho Dino finalmente encontram Joaquim e seus irmãos que, assustados, saem de casa para descobrir de onde vem o barulho que estão ouvindo. Omar não aceita o relacionamento de seu pai e diz a ele que Sônia é uma mulher sem moral. Joel reage com rispidez e diz ao filho que não admite que trate mal a sua futura mãe, pois ele goste ou não vai se casar com Sônia. Joel pede desculpas ao filho e diz que ele não ganha nada se opondo ao seu relacionamento com Sônia, pois com ou sem a sua aprovação ele se casará com ela. Rosa é aconselhada pela mãe a procurar Alberto para esclarecer o que aconteceu, pois, às vezes, um mal entendido pode acabar com a oportunidade de encontrar o verdadeiro amor. Mas Rosa está irredutível, diz que nunca perdoará Alberto por ter mentido e que não quer esclarecer nada com o ex-namorado. Marina é levada pelos capangas de Geraldo, mas consegue escapar da caminhonete. Ao tentar saltar, Marina acaba caindo em um barranco e perde os sentidos. Os capangas a dão por morta e vão embora. Depois, entram em contato com Geraldo para dizer que o trabalho foi realizado. Geraldo parabeniza os capangas e acredita que seu problema foi resolvido. Júlia lembra Silvana que de agora em diante será Mariana. Dona Meire e Dino entram na barraca dos "Cúmplices de um Resgate" e acabam surpreendidos pelo Sombra e seu comparsa. Dona Pura diz a Rosa que ela tem um compromisso profissional com Alberto, pois ele abriu as portas de sua empresa para que ela pudesse recomeçar. Ela também lembra a filha que o rapaz é apaixonado por ela. Dora tenta convencer Alberto de que Rosa não tem experiência nem está preparada para exercer um cargo executivo na empresa. Alberto, indignado, diz que não admite que ninguém menospreze Rosa e deixa claro a Dora que ele é o dono e ela uma simples empregada. Um policial pergunta aos garotos do grupo "Cúmplices de um Resgate" o que eles fazem no meio da rua. Os meninos dizem ao policial que estão sozinhos porque seus pais estão testando se eles conseguem se cuidar sozinhos. Dora diz ao Pepe que deve fazer qualquer coisa para afastar Rosa da vida de Alberto. O Sombra e seu comparsa estão a ponto de alcançar os garotos do grupo, mas eles conseguem se esconder no meio de um rebanho de ovelhas. Helena começa a se preocupar com a demora dos garotos. Sebastião tenta tranqüilizá-la dizendo que logo eles estarão de volta sãos e salvos. Os meninos se despedem de Silvana e ela deseja a todos eles muito sucesso com o grupo. Sebastião e Helena choram de alegria ao ver Mariana chegar com os garotos. Ofélio chega para resgatar Marina, mas é informado, pelo capanga de Geraldo, que ela está morta. Ofélio fica desesperado com a notícia de que Marina está morta. Um casal encontra Marina caída e inconsciente e a levam para sua casa. Regina critica Geraldo por deixar sua casa sem vigilância e diz que Mariana ficou sozinha com Laurinha. Geraldo rebate as acusações da irmã e diz que se ela está tão preocupada que renuncie ao seu cargo na empresa e cuide pessoalmente da segurança da menina. Sebastião diz a Rosa que cumpriu o que lhe prometeu e traz a filha até ela. Rosa, chorando muito, abraça Silvana (pensando que é Mariana) e pergunta por que ficou tanto tempo sem se comunicar com ela. Silvana disfarça, diz que são muitas perguntas e que não quer falar sobre o assunto. Dissimulada, ela garante que está muito cansada e quer ficar sozinha. Rosa comenta com a mãe que Mariana está se comportando de maneira muito estranha, como se fosse outra pessoa e, desesperada, pergunta a Helena se ela tem idéia do que pode ter acontecido com sua filha. Helena aconselha a irmã a ter paciência, pois Mariana deve estar muito confusa com tudo que aconteceu. Rosa telefona para o Alberto e comunica que sua filha está de volta. No quarto, Silvana só pensa na vingança que está preparando para Rosa: ela está determinada a fazer Rosa pagar caro por tê-la abandonado quando ainda era um bebê. Silvana está determinada a fazer Rosa pagar pelo abandono e pelos anos que a fez viver ao lado de Regina. Rosa diz a "Mariana" que a ama muito e que, quando quiser, pode lhe contar o que aconteceu. Silvana responde que as coisas mudam e que não quer mais dividir o quarto com ela. Ramon pergunta ao Sebastião quando o cavalo "Dourado" estará completamente curado, pois quer entregá-lo pessoalmente ao Omar. Helena diz a Rosa que o estado de ânimo de Mariana se deve aos momentos difíceis pelos quais passou durante o tempo que esteve seqüestrada e que ela precisa ter muita paciência e demonstrar todo seu amor para que volte a ser a mesma de antes. Ramon diz ao Sebastião que os "Cúmplices de um Resgate" haviam escondido Mariana e eles não podiam dizer nada para não colocar sua vida em risco. Sebastião comenta com Ramon que, assim que viu a vocalista do grupo, teve a certeza de que era Mariana e diz que o que eles fizeram foi muito arriscado. Alberto chega à casa de Rosa. Ela conta que Sebastião cumpriu sua promessa de encontrar Mariana, mas diz que a menina está muito estranha. Alberto tenta tranqüilizá-la dizendo que é normal que Mariana não seja a mesma depois de tudo que teve que enfrentar, mas que em alguns dias voltará a ser como antes. Ele também a aconselha a denunciar o rapto às autoridades. Rosa tenta explicar ao Alberto o motivo de sua volta repentina à cidade. Ele diz que ela é livre para agir como melhor lhe convier e que em primeiro lugar está sua família e que deve se dedicar totalmente à sua filha. Omar pede ao pai que o leve até a cidade para comprar uma roupa. Como Joel se nega, o garoto acusa o pai de estar se escondendo de alguém e pede que o deixe ver sua mãe. Alberto diz a "Mariana" que lhe diga quem a seqüestrou e onde estava escondida, pois precisam avisar as autoridades. A menina diz que as pessoas que a seqüestraram são muito perigosas e não quer pôr em risco a vida de seus amigos. Matheus confessa a Dóris que prometeu ao Omar que trabalharia de graça para ele se em troca seu pai não fosse demitido. Dóris assume a culpa e diz que foi por sua culpa que seu pai perdeu o emprego. Regina comenta com Geraldo que há algo em Priscila que a faz lembrar dela quando era criança e que as duas se entendem tão bem que até parece que são parentes. Geraldo tenta dar dinheiro a Dora para que compre roupas para a filha, mas ela não aceita e diz que a menina precisa de sua atenção e não do seu dinheiro. Geraldo reage e diz a Dora que ela não tem moral para criticá-lo, pois os dois são exatamente iguais. Rosa comenta com a mãe que Mariana voltou a ser a mesma de antes. Helena comunica à mãe e a irmã que, em breve, terão uma veterinária em casa. "Silvana" pede ao Ofélio que lhe dê cobertura, pois precisa ligar para o Joaquim e perguntar se tem notícias de Silvana e se ela já está na casa de sua mãe. Laurinha flagra Mariana e Ofélio e diz que, se Regina perceber o que estão fazendo, eles terão muitos problemas. Joel diz a Sônia que Omar quer ir até a cidade para comprar roupas. Laurinha pergunta a Mariana o que estava fazendo fora de seu quarto e como conseguiu sair. A menina diz que Regina esqueceu a porta aberta. Ofélio diz a Laurinha que tinha um recado de Joaquim. Regina está a ponto de descobri-los, mas Laurinha diz que foi até o quarto para verificar se a porta estava fechada. Sebastião encontra Rosa e Alberto juntos e pergunta o que estão fazendo. Rosa deixa claro que Alberto não quer se separar dela nem de Mariana. Omar vê Mariana, pergunta quem é a menina e descobre que é a menina que estava desaparecida. Silvana chega na escola no carro de Alberto. Omar pergunta às colegas quem é a menina que acaba de chegar e eles dizem que é Mariana a garota que estava desaparecida. Sebastião fica enciumado ao saber que Alberto levou a filha de Rosa para a escola. A mãe, Biba, tenta consolá-lo e diz que ele precisa se conformar, pois Rosa e Alberto se amam. Helena ouve a conversa e fica muito chateada, pois é apaixonada pelo Sebastião. A professora dá as boas vindas a “Mariana” e pede a ela que recite o lema da escola. Mas, como Silvana não sabe qual é, Dora a ajuda a recitá-lo. Regina pergunta a Priscila se descobriu alguma coisa na casa dos garotos e se ela conheceu a tia Florência. Priscila diz que não conseguiu descobrir nada, pois a tia dos garotos sai muito cedo de casa e volta muito tarde e, como se não bastasse, vive viajando. Sebastião não gosta nada da maneira como Joel fala com Helena. Mariana pergunta ao Joaquim o que aconteceu durante o acampamento. Priscila pergunta a Mariana e Joaquim de que acampamento estão falando. Júlia responde que isso não é de seu interesse. Omar se apresenta para Silvana e diz que tem a impressão que a conhece de algum lugar, mas não consegue se lembrar de onde. Sebastião recrimina Helena pela atenção dispensada a Joel e diz que não gostou nada da maneira como o rapaz olhou para ela. Dona Pura pede a ajuda de Dona Biba para preparar os quitutes para a festa de boas-vindas que está organizando para a neta. Omar pede explicações a Mateus e lembra que o trato feito era que devolveriam o emprego ao pai. Dr. Arruda encontra Sofia, a enfermeira que trabalhou no hospital, e pergunta a ela quem ajudou no parto de Rosa Cantú, a jovem que deu à luz gêmeas. Ele conta que recentemente descobriu que Rosa só tem uma filha e quer descobrir o que aconteceu com a outra menina. Helena leva Silvana para visitar o zoológico e estranha seu comportamento. Ela comenta com a menina que parece que ela esqueceu muitas coisas que viveram juntas. Omar convida os garotos para irem até sua casa e, para espanto de Helena, "Mariana" é a única que aceita acompanhá-lo. Helena comenta com Sebastião que Mariana não era assim. Rita Lopez confessa a Dr. Arruda que ajudou o Dr. Perez a roubar a outra filha de Rosa Cantú e diz que fez isso por dinheiro. A enfermeira se diz arrependida, mas
iG - Internet Group


* Assine
* E-mail
* SAC
* Canais


iBest
brTurbo
o Dr. Arruda deixa claro que ela só poderá viver em paz no dia em que conseguir o perdão de Rosa e lhe devolver a filha. Silvana diz a Omar que, desde que voltou para o povoado, não consegue se sentir à vontade com os amigos. Felipe conversa com Ofélio e diz que os garotos da turma estão elaborando um plano para resgatar Marina. Geraldo pergunta ao capanga Sandro o que ele sabe sobre Silvana. Furioso, Geraldo esbofeteia o capanga quando ele explica que não pode capturar Silvana porque alguns garotos a ajudaram a chegar na cidade onde vive Mariana. Priscila tenta convencer Regina a deixar "Silvana" sair para passear. Ela explica que prometeu aos amigos que a levaria até eles e, se não cumprir, jamais conseguirá a confiança do grupo. Ofélio as leva até um shopping e Regina fica irritada ao ver que existem muitos fãs do grupo "Cúmplices de um Resgate" no local. Geraldo deixa claro a Sandro e aos outros capangas que eles precisam resolver o problema de Silvana pois, caso contrário, não voltarão a trabalhar com ele. Bertha marca uma reunião com Dora para dizer que o trabalho está cada vez mais difícil e que suas funcionárias estão desesperadas, pois já não têm mais dinheiro para nada. Omar comenta com o pai que na cidade haverá uma festa de boas-vindas para Mariana Cantú e confessa que gosta muito da menina. Joel acredita ser uma grande coincidência que a tia de Mariana seja a mulher por quem está interessado. Rosa confessa a Helena que tenta se distrair de todas as formas para esquecer que a garota já não é a mesma menina carinhosa e sentimental. Felipe desconecta vários cabos telefônicos e leva o celular de Regina. Ele diz a André que está levando o telefone para que ninguém incomode Mariana. Os meninos pedem a Ofélio que os leve até um lugar distante. Regina procura seu celular. Alberto pergunta a Silvana (que se faz passar por Mariana) se gostaria que ele e sua mãe se casassem. Ele conta que já a havia pedido em casamento, mas que Rosa disse que só se casaria depois que sua filha aparecesse sã e salva. Ofélio diz aos garotos do grupo que os capangas de Geraldo falaram sobre o desaparecimento de Marina. Os garotos dizem que estão procurando pistas que possam levá-los até onde ela está escondida. Joel diz a Omar que vai acompanhá-lo na festa em homenagem a Mariana, mas pede a ele que não conte nada para a Sônia. Maria conta a Marina que a encontraram caída em um barranco com um ferimento na cabeça e pergunta seu nome para que possa avisar sua família. Marina diz que não lembra seu nome, nem de onde veio. Regina critica Mariana (se fazendo passar por Silvana) por ter arrumado o quarto e alega que isso é serviço para os empregados da casa. Sônia vê Joel e Omar saírem juntos e, muito intrigada, pergunta o que está acontecendo, pois nunca viu os dois tão unidos. D. Pura dá um presente a Silvana (se fazendo passar por Mariana) e fica chocada com a reação da menina. Ela joga longe a roupa que ganhou dizendo que é horrorosa e não pretende usá-la. Depois da reação, Silvana lembra que precisa agir como se fosse Mariana e tenta remediar a situação explicando que o quê quis dizer é que não gostou tanto dessa roupa como das outras, porque a moda está um pouco diferente. Está tudo pronto para a festa em homenagem a Mariana. Silvana observa tudo e não entende por que todos gostam tanto de sua irmã. Rosa continua intrigada com o comportamento da filha e não entende por que ela está tão mudada. Alberto também percebe a indiferença com que "Mariana" trata a mãe. Joaquim diz a André que vai procurar emprego porque não tem dinheiro nem para comer. Omar diz a Silvana, durante a festa, que está muito aborrecido e não gosta da maneira como o grupo canta. Silvana concorda com ele dizendo que também não gosta. Ela fica muito preocupada quando o público pede ao grupo que se apresente e ela não sabe cantar. Silvana está muito preocupada, pois o público está pedindo que cante e, se ela o fizer, todos descobrirão que não é Mariana. Marina agradece Maria por ter salvo sua vida, diz que assim que se recuperar vai ajudá-la nos afazeres domésticos e, como não se lembra quem é, que a chamem de Inês. Sônia, irritada, diz a Hermínio que nunca volte a fazê-la esperar, pois perderá seu emprego. Hermínio diz que nunca teve problemas e que não pretende tê-los. Joel diz a Helena que permitirá que os garotos vejam a ovelha recém-nascida, desde que ela os acompanhe. Sebastião observa a conversa dos dois e, enciumado, vai buscar Helena. Felipe diz aos irmãos que quer devolver o celular que pegou do escritório de Regina. O garoto leva uma bronca dos irmãos, Joaquim e Júlia, que o acusam de ter cometido um delito e o fazem prometer que nunca mais fará o mesmo. Ofélio pergunta a Mariana por que não fugiu junto com Silvana. Mariana explica que quer descobrir como a irmã chegou àquela casa e porquê sua mãe nunca soube que teve gêmeas. Mariana diz a Ofélio que só convivendo com Silvana poderá descobrir quem foi a pessoa que as separou ao nascer. Felipe comenta com seus amigos que não gosta nada da maneira como Regina trata Mariana e sugere que eles lhe dêem uma lição. Joaquim aconselha que pensem muito bem no que vão fazer. Priscila passa por uma crise de depressão, se sente desprezada e diz que nem seus avós, nem sua mãe a amam. Revoltada até com seus amigos, ela garante que quando crescer vai provar a todos que não precisa deles para nada. A avó a aconselha a ser mais humilde, pois com esse temperamento nunca terá amigos. Geraldo conta a Regina que Silvana está morando com a família de Mariana e comunica que Marina está morta. Regina diz ao irmão que precisam trazer Silvana de volta o mais rápido possível, pois se ela resolver contar o que sabe, eles irão para a cadeia. Rosa pergunta a Silvana (pensando que é sua filha Mariana) se ela gostou da festa. A menina, sem conseguir disfarçar sua imponência, diz que gostou e pede a ela que não faça barulho, pois está muito cansada. Helena procura as flores que Silvana encomendou, mas não as encontra. Joel aparece de repente entre as flores. Joel entrega a Helena as flores que Omar deu a Silvana. Sônia presencia a cena e, enciumada, acusa Joel de não querer levá-la à festa para poder se encontrar com a veterinária e faz ameaças dizendo que, caso ele jogue sujo, contará ao filho que tipo de negócios ele tem. Regina comenta que nem imagina como Silvana consegue viver em um pequeno povoado. Alberto faz uma serenata para Rosa. Sebastião não gosta nada da atitude do rival. Sônia percebe que Joel está muito interessado em Helena e pensa em uma maneira de tê-lo em suas mãos. Silvana (se fazendo passar por Mariana) pergunta a Rosa onde estão Helena e sua avó. Rosa diz que elas saíram e a menina fica irritada por não ter sido convidada. Rosa diz que quer conversar com ela e Silvana responde que não. Silvana se nega a conversar com Rosa e diz, claramente, que prefere ficar com a avó, Helena e Alberto. Joaquim e os amigos estão curiosos para saber o que contém na fita encontrada por Felipe. Ramon comenta com Mateus que estranhou o comportamento de Mariana, que não demonstrou nenhum entusiasmo em conhecer a ovelhinha. Ele lembra ao amigo que ela sempre gostou de animais. Mateus aconselha Dóris a perguntar a Mariana porque está tão mudada. Priscila diz a Regina que Silvana não foi direto para casa e conta também que Felipe encontrou um celular no banheiro. Joel comenta com Omar que seus amigos irão visitar a ovelhinha que nasceu e que Mariana também estará lá. O integrantes de "Cúmplices de um Resgate" conseguem ouvir a misteriosa fita e ficam surpresos ao constatar que se trata do CD do grupo. Os garotos ficam surpresos e se perguntam como a fita com as músicas do grupo foi parar naquela casa, pois, supõe-se, que só a gravadora poderia ter o material. Regina pergunta a Felipe onde está seu celular. O menino conta que o encontrou no banheiro, mas não mexeu no aparelho. Joaquim chama Priscila de fofoqueira e diz que está muito decepcionado com ela. Alberto dá ordens a Pepe para colocar na casa de Rosa um computador ligado em rede com a empresa, para que ela possa controlar de casa os problemas da empresa. Omar convida Silvana para conhecer seu sítio. Mateus não gosta nada do atrevimento do garoto e comenta com Ramon e Dóris que ele não quis convidá-los só para ficar à sós com Mariana. O Sr. Vargas comunica aos garotos do grupo que estão contratados para tocar numa feira têxtil no final de semana. Ele também aproveita para explicar aos garotos o que é a pirataria. Regina comenta com Geraldo que Sr. Vargas conversou com ela e com Vicente sobre as baixas vendas por causa da pirataria que está tomando conta do mercado fonográfico. Sebastião, enciumado, diz a Alberto que já está cansado de vê-lo sempre ao lado de Rosa e Mariana. Alberto não se intimida e diz ao rival que não pretende se afastar das duas e que não tem culpa que Rosa não goste dele. Ofélio pergunta a Navarro se é verdade que Marina desapareceu. Dora vai até a casa dos pais para levar alguns presentes para Priscila. A mãe pede a ela uma chance para corrigir alguns erros do passado e pergunta quando ela pretende contar à filha quem é o seu pai. Dóris pergunta a Silvana (pensando que é Mariana) por que motivo ela já não se lembra das canções que tantas vezes cantaram juntas. Silvana tenta contornar a situação dizendo que depois que ficou internada tem esquecido muitas coisas. Os integrantes do grupo "Cúmplices de um Resgate" descobrem que Geraldo está envolvido na produção de discos piratas e decidem voltar ao local para conseguir provas do crime. Priscila surpreende os garotos e quer saber sobre o quê estão conversando. Joel pergunta a Omar sobre as empresas de Alberto. Omar responde que ele é dono de várias indústrias têxteis e aproveita para comentar que Mariana também lhe perguntou sobre os negócios de seu pai e ele não soube responder. Sônia explica que Joel compra e vende gado. Silvana atende o telefone da casa de Rosa e fica assustada ao ouvir a voz de Geraldo que, com ironia, pergunta à menina como foi que ela chegou a casa de Mariana. Silvana desliga o telefone e Rosa, intrigada, pergunta quem era e por que ela está tão nervosa. Helena fica irritada com a decisão de Sebastião, que se nega a aceitar a ajuda econômica que Alberto oferece para que possam se apresentar na feira têxtil. Silvana diz a Mateus, Dóris e Ramon que não se lembra da letra das canções, nem das coreografias e, por isso é melhor não ir com eles ao programa de rádio. Geraldo conta a Regina que já descobriu que Silvana está mesmo na casa de sua verdadeira mãe. Regina diz ao irmão que precisam tirá-la de lá o mais rápido possível, pois a qualquer momento ela poderá delatá-los. Silvana decide falar com Mariana e pedir sua ajuda para a apresentação na feira têxtil. Silvana tenta entrar em contato com Mariana para pedir sua ajuda na apresentação na feira têxtil. Regina diz a Priscila que talvez ela tenha seu próprio grupo e dá ordens a Vicente para que a garota ocupe o lugar de Silvana no grupo, pois como diretora de relações públicas ela tem autonomia para fazer a substituição. Mas, de nada adianta o autoritarismo de Regina, pois os integrantes do grupo se negam a tocar se Silvana não cantar. Mariana e sua banda se apresentam em um programa de rádio e os garotos dedicam suas músicas aos amigos do grupo "Cúmplices de um Resgate". Joaquim pede a Ofélio que vá até o camarim buscar Mariana para ouvir seus amigos. Alberto parabeniza Sebastião pelo sucesso do grupo. Priscila ordena aos Cúmplices que toquem, mas eles se negam a fazê-lo sem a presença de Silvana. Os Cúmplices deixam claro para Regina e Paulo que, se Silvana não cantar, eles também não vão tocar. Pablo tenta ponderar com Regina dizendo que deve deixar Silvana cantar para não ficar mal com o Sr. Vargas. Priscila, por vingança, destrói o camarim que a rival utilizaria durante a apresentação. Rosa comenta com Alberto e com a mãe que não confia em Omar e nem acredita na sua sinceridade. Alberto comunica a Dora que irá à feira têxtil acompanhado por Rosa e Mariana. Silvana assiste pela TV a uma apresentação do grupo "Cúmplices de um Resgate" e sente que odeia sua irmã Mariana por estar ocupando o seu lugar. Rosa fica muito surpresa quando a filha, de maneira grosseira, ordena que Alberto venha vê-la. Ela lembra que a menina não era assim antes do seqüestro. Silvana liga para Mariana para dizer que se encontrarão na feira têxtil e que ela deve aparecer com o cabelo preso. Silvana dá instruções a Mariana para que leve um boné. Alberto leva Silvana para fazer compras e sugere a ela que leve presentes para os amigos. Damião reconhece Marina, tenta falar com ela, mas se detém ao ouvir que a chamam de Inês. Intrigado, ele decide seguí-la. Rosa diz a Alberto que não deveria ter comprado tantas roupas para Mariana e o critica por mimá-la tanto. Priscila não entende porque sua mãe não trabalha na gravadora, como faz Regina, para ficar perto da filha. Regina pergunta a Priscila se ela tem alguma notícia sobre os Cúmplices. Ela diz que não e critica a atitude dos garotos. Dora é informada de que Priscila vai se apresentar numa feira têxtil. Ela fica irritada com a notícia e diz que, se a filha continuar se comportando mal, vai mandá-la para um colégio interno. Silvana diz a Ramon que o único animal pelo qual tem algum carinho é o cavalo Dourado. O menino explica que Omar é o dono do cavalo. Silvana fica surpresa e pergunta o que o animal está fazendo lá. Ramon explica a Silvana que o cavalo chegou ferido, que Sebastião cuidou dele e que o devolverá assim que estiver completamente curado. Dora liga para a mãe para dizer que não autoriza a filha a participar da Feira Têxtil. Malú diz à filha que não sabe se poderá impedi-la, pois os integrantes do grupo já estão a caminho. Dora não quer que Alberto descubra que ela tem uma filha. Na feira, Silvana e Mariana trocam de lugar. Mariana vai cantar com sua banda e diz a Silvana que deve fingir uma dor de garganta e pedir a Priscila que se apresente em seu lugar. Silvana segue as instruções da irmã, pede a Priscila que a substitua e diz que é a sua chance de mostrar seu talento e salvar o grupo de um vexame. Ao saber da substituição, os garotos se negam a tocar, mas Joaquim os convence, pois a melhor maneira de apoiar Silvana é fazer uma boa apresentação. Alberto assiste a apresentação do grupo e acredita que Priscila seja filha de Regina. Mariana vê a mãe e, chorando, se abraça a ela e diz que, mesmo que o destino as separe, sempre estará em seu coração. Mariana volta ao camarim com Silvana, que, irritada, diz à irmã que nunca mais permita que Priscila volte a cantar no grupo. Mariana diz que os integrantes do grupo não permitiriam e conta que estão investigando sobre a pirataria, pois isso pode afetá-los. Rosa flagra Alberto e Regina juntos. Enciumada, ela acredita que está sendo enganada pelo namorado e decide terminar o relacionamento. Os integrantes do grupo "Cúmplices de um Resgate" decidem visitar o grupo de Mariana. Os grupos se encontram e decidem manter contato. Ramon comenta a visita do grupo e Rosa lamenta não estar presente para agradecer por tudo que fizeram por sua filha, Mariana. Alberto se oferece para levar o grupo para visitar os Cúmplices. Mariana comenta com Joaquim que pretende continuar vivendo na casa de Regina para tentar descobrir como e porquê sua irmã, Silvana, foi parar naquela casa e quem a separou de sua mãe. Joaquim diz a Mariana que pode contar com ele e com os Cúmplices para desmascarar Regina e Geraldo. Regina flagra os garotos e pergunta o que fazem ali sozinhos. Mariana diz a Joaquim que não descansará, enquanto não souber de toda a verdade. Joaquim lembra à amiga que precisam encontrar provas para acusar os dois. Regina ameaça tirar Priscila do grupo, caso ela não descubra nada sobre os Cúmplices. Vicente comenta que não viu Geraldo na Feira Têxtil. Regina tenta justificar a ausência do irmão e diz que ele estava no salão reservado aos empresários. Rosa diz ao Alberto que decidiu passar mais tempo ao lado da filha e rompe seu relacionamento com ele. Helena diz à mãe que, em breve, receberá seu diploma de veterinária. A mãe fica tão feliz com a notícia que decide organizar uma festa para comemorar. Omar vai até a casa de Mariana e, para se livrar de Ramon, joga um copo de água em cima do garoto. Rosa pede a Alberto que vá embora de sua casa, mas ele a abraça e diz que não pode fazer isso. Rosa está tentando se soltar dos braços do ex-namorado, quando Sebastião chega e agride o rapaz. Priscila conta aos avós que sua apresentação foi um sucesso. Rosa comenta com a mãe que não gosta nada da amizade da filha com o Omar. Ela acha muito exagerado o interesse do garoto por Mariana e diz que pretende proibir a filha de voltar a vê-lo. Alberto confidencia ao amigo, Raul, que está muito mal com o fim de seu namoro com Rosa. Raul lembra ao amigo que sempre o aconselhou a dizer toda a verdade a Rosa sobre seus encontros com Regina. Mariana diz a Ofélio que irão junto com os Cúmplices até a casa onde Silvana estava escondida para resgatar Marina. Laurinha, assustada, pede a eles que não saiam de casa, pois se Regina descobrir ninguém sabe o que poderá acontecer. Joaquim e seus amigos vão até à casa de Mariana e se escondem ao ver que Priscila está lá. Silvana (se fazendo passar por Mariana) pergunta a Ramon se ele ficou muito chateado por ela ter preferido a companhia de Omar. Omar convida Mariana para almoçar e diz à garota que ela é o sol de sua vida. Silvana olha surpresa para o garoto. Silvana pede a Omar que a leve para casa, pois sua mãe deve estar preocupada. Mateus comenta com Ramon e Dóris que Mariana está se comportando de uma maneira muito estranha. Ramon pede que tenham paciência com a amiga. Laurinha volta a insistir com Mariana para que não saia de casa, pois não saberia o que dizer a Regina. Omar comunica ao pai que convidou Mariana para almoçar. Joel aprova o interesse do filho pela menina, pois acredita que dessa forma poderá se aproximar de Helena. Rosa recrimina a filha por sair com Omar sem a sua permissão e diz que não quer que ela volte a ver o garoto. Rosa comenta com Sebastião a rebeldia da filha e conta que terminou seu namoro com Alberto. Regina conversa com Artur Vargas sobre Priscila e diz que gostaria muito que a garota tivesse outra oportunidade para ser a vocalista do grupo. Sr. Vargas acaba com as esperanças de Regina ao deixar claro que Silvana continuará sendo a estrela do grupo. Rita, a enfermeira que ajudou no parto de Rosa, diz a Dr. Arruda que o homem que roubou a gêmea se chama Geraldo. Rita diz a Dr. Arruda que Geraldo trabalha em uma gravadora e empresaria um grupo chamado Cúmplices de um Resgate. Damião liga para Ofélio e pergunta por Marina. Ofélio conta que Navarro lhe disse que ela está morta, mas que ele não acredita nisso. Damião diz a Ofélio que precisam se encontrar, pois tem algo importante para contar. Ao ver as fotos de Silvana e Mariana, Marina tenta relembrar alguma coisa, mas acaba desmaiando. Dora, ao saber do rompimento entre Rosa e Alberto, convida o rapaz para jantar com o pretexto de colocá-lo a par dos problemas da empresa. Silvana liga para Joaquim, diz que sente muita falta dele e da turma e sugere ao garoto que peça a Vicente que os leve até o povoado. Rosa diz a Silvana (pensando que é a filha) que terminou seu relacionamento com Alberto para poder ficar mais tempo ao seu lado. A menina, irritada, acusa Rosa de só pensar nela e de ser egoísta por ter desprezado alguém que gosta tanto delas. Silvana briga com Rosa por ter colocado um ponto final no seu relacionamento com Alberto e, irritada, a expulsa do quarto. Alice conversa com o marido sobre a possibilidade de adotarem Joaquim e seus irmãos. Vicente diz que a situação econômica não permite que adotem os garotos, mas diz que continuarão apoiando-os em tudo. Silvana, chorando muito, diz à D. Pura que nunca perdoará a mãe por ter terminado seu namoro com Alberto. Rosa diz à mãe que não entende a reação da filha. Alberto convida Regina para jantar e ela pergunta se seu coração pertence a alguém. Ele responde que ama uma mulher muito especial que, infelizmente, no momento não está a seu lado. Mariana encontra uma carta que pode incriminar Regina e decide guardá-la como prova. Se trata de um parecer médico que deixa claro que Regina nunca poderá ter filhos. Mariana acredita que essa possa ser a explicação para que ela tenha roubado sua irmã. Laurinha decide visitar Mariana e Ofélio a segue. Regina encontra os dois e pergunta o que fazem no quarto de Silvana. Regina encontra Ofélio e Laurinha no quarto de Silvana e pergunta o que estão fazendo lá. Mariana finge estar com dor de estômago e Regina pede aos empregados que se retirem. Alberto diz a Raul que pretende freqüentar a gravadora para que os "Cúmplices de um Resgate" os ajude a desvendar o rapto de Mariana e tudo que se refira a Silvana. Silvana (se fazendo passar por Mariana) pede a D. Pura que a deixe dormir no seu quarto, pois quer evitar ao máximo o contato com Rosa. Alberto chega à gravadora e se apresenta ao grupo "Cúmplices de um Resgate" como amigo de Rosa, a mãe de Mariana. Os meninos pedem que ele não mencione o nome de Mariana, pois isso lhes traria muitos problemas. Ramon pede a Silvana que o acompanhe até a casa de Omar para lhe entregar seu cavalo. A avó de Priscila passa mal e o médico recomenda que Fortunato a leve ao hospital para submetê-la a uma bateria de exames. Damião pergunta a Ofélio se ele tem mesmo certeza de que Marina está morta, pois na sua cidade tem uma mulher idêntica a ela. Damião diz a Ofélio que na sua cidade tem uma mulher idêntica a Marina, mas que atende por outro nome. Ele sugere ao amigo que vá até o povoado para se certificar de que se trata da mesma pessoa. Raul aconselha Regina a submeter Silvana a um check-up geral para ver a evolução de seus pulmões. Regina tenta adiar os exames, pois tem medo que o médico perceba que não se trata da mesma pessoa. Joaquim telefona para Priscila e diz que está muito preocupado com ela. A menina se emociona e conta que sua avó está doente e, por isso, não poderá comparecer ao ensaio. Regina, para evitar que Alberto veja a gêmea, diz aos integrantes do grupo que Silvana se sentiu mal e não poderá ensaiar com eles. Alberto comenta com Regina que viu o ensaio dos meninos, mas que Silvana não estava. Ele diz que gostaria muito de conhecê-la. Mariana finge que está com dor de estômago e pede a Ofélio que a leve no colo até seu quarto. Ela diz a Ofélio que ele precisa distrair Laurinha para que ela possa entrar no quarto de Regina e pegar o papel que prova que a megera não pode ter filhos. Mariana começa a investigar como Silvana foi arrancada dos braços da mãe e procura o documento que comprova a infertilidade de Regina. Meire entra no apartamento onde vive Joaquim e seus irmãos para investigar se os garotos vivem realmente sós. E, para azar dos meninos, ela encontra a carta que Florência deixou ao abandoná-los. O médico diz a Fortunato que precisa submeter Malú a outros exames, pois seus sintomas não são nada comuns. Omar convida Silvana e Ramon para cavalgar. Durante o passeio, Omar espeta o animal que Ramon está montando e o cavalo sai em disparada. Silvana salva o garoto e, ao perceber que não foi um simples acidente, diz a Omar que nunca imaginou que ele fosse tão perverso. Os integrantes do grupo "Cúmplices de um Resgate" entram na casa onde pretende investigar a pirataria. Geraldo pega os garotos em flagrante, diz que sabe quem eles são e que agora estão em suas mãos. Depois comunica o fato à irmã e Regina diz que se encarregará dos "espiões". Silvana diz a Rosa que vai até a casa de seu amigo Omar. Omar leva Joel até o estábulo para mostrar o cavalo "Dourado". Joel pergunta o que aquele cavalo está fazendo no estábulo, se ele já havia ordenado que fosse sacrificado. Irritado, recrimina o rapaz por não ter cumprido suas ordens e pede um revólver para, ele mesmo, matar o animal. Omar pede ao pai que não o mate e promete domar o bicho. D. Pura pede a Silvana (pensando que é Mariana) que se comporte bem para que a harmonia volte à sua casa. Silvana, demonstrando frieza, responde que, se Rosa não se aproximar dela, tudo ficará bem. Sônia pede a Joel que se casem na próxima semana. Omar, furioso, diz que não permitirá que os dois se casem e garante a Sônia que seu pai não a ama. Sônia diz a Joel que havia percebido seu interesse pela veterinária. Omar pede ao pai que termine seu relacionamento com Sônia, antes que ela transforme a vida deles num inferno e diz preferir que ele fique com a tia de Mariana. Joel pede a Hermínio que desapareça com Sônia. Dr. Arruda entra no escritório de Geraldo e exige que lhe diga onde está a gêmea que ele roubou. Dr. Arruda diz que já descobriu toda a verdade, acusa Geraldo de ter subornado o Dr. Perez para comprar uma das gêmeas e exige que ele lhe diga onde está a menina que roubou há onze anos. Geraldo diz que a menina morreu dias depois e, com um revólver em punho, ameaça o médico, dizendo que é melhor que não se meta nesse assunto. Regina manda Priscila à casa de Joaquim para que ela investigue se a tia do menino realmente existe. Ofélio chega ao povoado onde vive Damião e encontra Marina no mercado. Ofélio tenta se aproximar, mas Damião o aconselha a seguí-la até onde vive para ter certeza de que se trata da mesma pessoa. Priscila chega à casa dos Cúmplices e D. Meire conta o que descobriu sobre Joaquim e seus irmãos. Silvana critica Rosa por ter terminado seu namoro com o Alberto. As duas discutem e Rosa ameaça bater na menina. Priscila encontra a carta que Florência deixou para os sobrinhos quando os abandonou e acredita que Regina ficará muito feliz com as novidades. Ofélio vai até a casa onde Marina está vivendo e pergunta qual é seu nome. Marina diz a Ofélio que esse nome não é estranho e pergunta se eles se conhecem de algum lugar. Mariana conta aos amigos do grupo que Regina e Geraldo roubaram sua irmã, Silvana, do hospital. Regina comunica aos integrantes do grupo que Priscila será a nova vocalista e deixa claro que aquele que não concordar terá que sair do conjunto. Os garotos dizem a Vicente que não estão de acordo com a decisão de Regina e ameaçam deixar o grupo se Priscila for a nova vocalista. Geraldo diz a Regina que Silvana terá que cantar e que a estréia de Priscila ficará para outra ocasião. Silvana diz a Ramon que ele lhe inspira muita confiança, confessa sua verdadeira identidade e diz que Mariana decidiu que ela deveria conhecer sua mãe, que por esta razão está no povoado. Silvana também confessa que não consegue gostar da mãe e que não a perdoa por tê-la abandonado. Ramon diz que já havia percebido que ela não era Mariana e que não acredita que Rosa, por ser uma pessoa muito boa, a tenha abandonado. Ele também aconselha a menina a tentar se aproximar da mãe para conhecê-la melhor. Geraldo alerta Regina para o perigo, conta que foi procurado por Dr. Arruda e diz que o médico já sabe que eles roubaram uma das gêmeas. Geraldo conta a Regina que disse ao médico que a criança morreu dias depois. Ofélio faz uma serenata e Marina recupera a memória, ela conta a Ofélio que Silvana já está com sua verdadeira mãe e que Mariana continua na casa de Regina. Priscila diz a Regina que Joaquim e seus irmãos moram sozinhos e entrega a ela a carta deixada por Florência. Em troca do favor, Regina promete que fará de tudo para que ela seja a vocalista do grupo. Regina pressiona Geraldo para que o CD fique pronto o mais rápido possível e diz que ela se encarregará de transformar os "Cúmplices" num fenômeno de vendas. Joaquim liga para Silvana e pergunta se pode confiar em Alberto. Ele conta também que Priscila gravou um CD como vocalista e que a garota tem todo o apoio de Regina. Joaquim conta também que ele e a turma descobriram que Geraldo está envolvido com a pirataria fonográfica e que as coisas estão ficando perigosas para todos. Alberto conversa com os "Cúmplices" e diz que quer se encontrar com Silvana e Mariana. Eles dizem que esse encontro precisa acontecer em um lugar neutro. A polícia notifica Joel de que encontraram um casal morto em um carro acidentado e que no interior do veículo havia documentos em seu nome. Alberto comenta com Raul que os garotos do grupo disseram que Regina não os suporta e diz que pretende investigar quais são os motivos. Ofélio diz a Mariana que Marina está viva e que vive em um pequeno povoado. Priscila flagra Ofélio e Mariana abraçados e a menina finge um desmaio para não levantar suspeitas. Mariana pede a Ofélio que diga a Joaquim e aos garotos que tomem muito cuidado, pois estão sendo vigiados. Omar diz a Florência que Sônia e Hermínio morreram em um acidente. Dr. Arruda confessa ao padre que ele fez o parto de Rosa e que ela teve gêmeas. Ele conta também que o Dr. Perez vendeu uma das meninas e que Geraldo garantiu que o bebê morreu dias depois de nascido. Dr. Arruda diz ao padre que ainda não conseguiu contar a verdade para a mãe das meninas. Alberto e Rosa vão até a fábrica e são informados que estão faltando algumas peças de tecido. Enquanto isso, Bertha liga para Dora e diz que já recebeu o tecido e que já estão trabalhando. Pepe vai até a fábrica, diz a Dora que já descobriu que Priscila é sua filha e pede uma grande quantia em dinheiro em troca de seu silêncio. Ramon diz a Sebastião que já percebeu que Omar não é tão bom quanto pensava, mas diz que pretende continuar sendo seu amigo e tentará convencê-lo a mudar seu jeito de ser. Silvana está prestes a ser atingida por alguns rolos de tecido, mas é salva pela mãe. Apesar do esforço para evitar o pior, Rosa acaba fraturando um braço e Silvana perde os sentidos. Mãe e filha são levadas para o hospital. Silvana sofre um acidente na fábrica e, ao mesmo tempo, Mariana, sem motivo aparente, sofre um desmaio durante o concerto. e Ofélio a leva. Priscila se aproveita da situação para cantar em seu lugar. Os garotos do grupo, embora não estejam de acordo, decidem ser profissionais e acompanham a vocalista. Rosa só machuca o braço e Alberto escuta "Mariana" nomear Regina. O médico informa Rosa e Alberto que Silvana sofreu uma forte pancada na cabeça, mas sem conseqüências mais sérias e que poderá levar para casa. O público grita pedindo a presença de Mariana e esta volta a si, intuindo que algo ruim se passou com sua irmã antes de voltar a cantar. O Dr. Arruda está na casa de D. Pura no momento em que Rosa, Alberto e Silvana chegam. Ele se oferece para examinar a menina, a pedido de D. Pura, e Rosa comenta com o médico que sempre achou que teria gêmeas, pois ouvia dois corações, porém o doutor lhe informou que só teve um bebê. Silvana, que está fingindo que dorme, ouve a conversa e se convence que sua mãe não a abandonou como Regina sempre a fez acreditar, já que nunca soube que deu à luz gêmeas. Omar, decidido a infernizar Ramon, seqüestra o cachorro, Manteguinha, e o coloca em um saco aproveitando que está débil, porque Sebastião o desparasitou. e o abandona perto do rio. Os comparsas informan Geraldo que a policía descubriu a casa de pirataria e este os ordena desmantelá-la; logo saca o dinheiro do cofre enquanto Navarroo observa. O
iG - Internet Group


* Assine
* E-mail
* SAC
* Canais


iBest
brTurbo
promotor do evento convida os Cúmplices para comer e Ofélio atira um vaso de água sobre Priscila; esta se retira ao banheiro para secar-se e Mariana aproveita para dizer a Joaquim que deve ver a Silvana. Mariana pede a Joaquim que a ajude a trocar de identidade com sua irmã, Silvana. O menino diz que as coisas estão se complicando, mas que fará tudo que estiver ao seu alcance para ajudá-la. Ramon, Dóris e Mateus visitam Silvana e perguntam se ela se assustou muito com o acidente. Silvana diz que pensou que iria morrer e que sua mãe a salvou. Silvana diz a Ramon que Rosa lhe salvou a vida e conta que descobriu que sua mãe nunca soube que teve gêmeas. O cachorro, Manteguinha, consegue sair do saco e acaba caindo na água, consegue se salvar, mas não consegue encontrar o caminho de casa. Ramon, angustiado, pede a Sebastião que o ajude a encontrar seu cão de estimação. Ramon está triste porque não conseguem encontrar Manteguinha. Silvana pede a Alberto que não deixe de visitá-la. Alberto promete visitá-la; esta por fim chama Rosa de "mamãe" e depois abraça e beija a mãe carinhosamente. Ambas se abraçam emocionadas. Alberto diz a Rosa que Regina é só uma cliente e que ela não tem nenhum motivo para sentir ciúmes. Ele diz que a ama e pede uma chance para reatar o relacionamento. Silvana agradece Rosa por ter arriscado a vida para salvá-la e pergunta se faria o mesmo se tivesse outra filha. Rosa diz que daria a vida por todos os seus filhos, caso os tivesse. Navarro entrega a Joel o dinheiro que Geraldo lhe mandou e diz que este o traiu. Priscila, em tom sarcástico, pergunta a Mariana se ela tem certeza de que Joaquim e seus irmãos vivem com a tia Florência. Joaquim liga para Silvana e pede a ela que fique atenta, pois Mariana irá ao povoado e quer trocar de identidade com ela. Silvana concorda, pois pretende acertar contas com Regina. Manteguinha encontra uma cachorra chamada Pimenta. Mariana suplica a Ofélio que a leve ao povoado. Alberto pede a Lupita, sua secretária, que investigue o que ocorreu com os tecidos que estão faltando no pedido da fábrica. Regina informa a Priscila que Malú voltou a sentir-se mal e a leva ao hospital. Ofélio chega adiantado pelos Cómplices e passam por Mariana, dirigindo-se a Xochitautic. Omar burla de Ramon por que Manteguinha está perdido. O estado de Malú piora e ela acaba confessando ao marido, Fortunato, que Geraldo é o pai de Priscila. Dora se estremece ao ver seu pai chorar. Omar se intera que Mariana sofreu um acidente. Mariana e Silvana se encontram no povoado. Mariana chega à sua casa e abraça Silvana emocionada. Mariana entrega a Silvana um documento, uma carta, que comprova que Regina não pode ter filhos e ambas retornam sua personalidade original. Silvana diz a Mariana que precisam investigar como foi que Regina conseguiu separá-la da mãe e depois denunciá-la por roubo e pirataria. Malú pede a Dora e Fortunato que esqueçam os rancores. Martin deseja ir a um concerto dos "Cúmplices". Fortunato pede perdão a Dora e diz que a ama; ambos se abraçam emocionados e Priscila os observa satisfeita. Navarro assegura a Regina que Geraldo os enganou, pois também lava dinheiro e outros negócios ilícitos. Navarro diz a Regina que foi traído por seu irmão e que Geraldo não pagou o que haviam combinado. Ele oferece seus serviços para Regina e diz que juntos poderão roubar todo o dinheiro que Geraldo tem escondido. Ele promete ajudá-la e se tornam sócios, e abre um piso falso da casa onde Geraldo guardava dinheiro e jóias. Ofélio e os Cúmplices passam por Marina. Silvana e Marina se abraçam emocionadas. Priscila diz a Dora que a doença da avó foi boa, para que elas pudessem resolver todos os seus problemas. Regina telefona para L:aurinha e pede que avise Silvana que terão uma apresentação esta noite. Laurinha pede a Silvana que se arrume, pois logo sua mãe passará para pegá-la. Silvana se preocupa, pois Mariana não poderá cantar por ela. Na discoteca, Martin vê Silvana e se impressiona com sua beleza. Os "Cúmplices de um Resgate" se apresentam e Silvana dá a Joaquim a oportunidade de cantar. Silvana deixa que Joaquim cante, mas Piscila a pressiona; ela recorda-se de Rosa e consegue cantar muito bem. Regina pergunta a Geraldo se não tem nada a dizer e ele assegura que não. O médico informa a Dora que sua mãe está com um vírus muito estranho nos pulmões e que talvez não poderá recuperar-se e que, para combatê-lo, precisarão usar um medicamento importado. O médico deixa claro que, caso o efeito não seja o esperado, sua mãe ficará desenganada. O concerto termina e Martin deseja conhecer Silvana. Martin, emocionado, tenta se aproximar de Silvana, porém não consegue alcança-la. Pepe telefona para Dora, para exigir dinheiro. Dora, desesperada com o diagnóstico, diz que fará de tudo para conseguir o dinheiro para comprar o remédio e pede ao médico que salve a vida de sua mãe. O Dr. Raul convida o Dr. Arruda para participar de um congresso de médico. Os meninos do povoado procuram Manteguinha e Sebastião lhes informa que tocarão na fábrica de vidro. Alberto é informado que existem muitas falhas na entrega de tecidos e que, certamente, alguém está fraudando a empresa. Manteguinha volta ao lado de Ramon acompanhado por sua noiva, Pimenta. Ramon e seus amigos ficam felizes com a volta do cachorro de estimação, Manteguinha. Sebastião se dá conta que Helena gosta dele e pensa que é a ela a quem ama. Joaquim procura a carta de sua tia Florência, mas não a encontra. A família de Joaquim volta a sofrer com as maldades de Regina. O garoto e os irmãos serão obrigados a morar num orfanato por causa de uma denúncia da vilã. Quando descobre que a tia deixou os artistas mirins entregues à própria sorte, Regina procura a polícia e, posando de santinha, conta que os meninos vivem sem ninguém. Uma representante do Conselho de Proteção Infantil, assistente social, chega à casa de Joaquim e seus irmãos. Ela conversa com os meninos, diz que recebeu uma denúncia de que vivem sozinhos, explica que, na condição de menores de idade, eles não podem morar sem um adulto por perto. Ou seja, todos terão de se mudar dali para um orfanato e, enfim, comunica que eles serão levados para um orfanato. André, que está com eles, vai correndo chamar seus pais. Os parentes, ao saber da notícia pavorosa, ficam aflitos. Rosa descobre que na chácara trabalha a tia de uns garotos que, segundo ela, tocam no grupo "Cúmplices de um Resgate". Mariana ouve a conversa e fica muito surpresa. Vicente e Alice tentam convencer a Assistente Social a não levar as crianças para o orfanato, mas sem êxito, porque ela diz que isso não é possível e que eles ficarão no orfanato até que apareça um parente próximo para buscá-los. Mariana e seu grupo se apresentam na fábrica de vidro. André liga para Silvana e informa o ocorrido. Alberto procura os meninos e Meire, a vizinha, diz que os levaram, assegurando-lhe que não queria fazer danos a eles, que só os espiava por diversão. Meire diz a Alberto que Joaquim e seus irmãos foram levados para um orfanato e conta que ela ajudou uma menina a entrar no apartamento e pegar uma carta que a tia Florência deixou para os sobrinhos. Priscila sente-se feliz ao interar-se do ocorrido, pensando na possibilidade de iniciar uma carreira solo. No Centro de Proteção, os meninos se interam que serão enviados para orfanatos diferentes. No fim das contas, Joaquim e seus irmãos acabam separados porque são levados para orfanatos diferentes e ele tenta tranqüilizar os menores dizendo que, apesar da distância, estarão sempre juntos em pensamento. Joaquim pede aos irmãos que se comportem bem e que nunca percam a fé. A assistente social liga para Regina e informa que os meninos foram separados. A megera fica radiante de felicidade. O papai de Martin lhe anuncia que participará da Torneio do Verão. Alberto procura Silvana e, para sua surpresa, esclarece a confusão com respeito a Priscila, pois pensou que a menina fosse Silvana e ela revela que é filha de Dora Rico, e aí descobre que Dora é a mãe da menina. Silvana liga para Mariana e conta que Joaquim e seus irmãos foram levados para o orfanato. Ela diz também que na chácara onde vive Omar, trabalha Florência, a tia dos garotos. Mariana diz que vai procurar Florência. Helena comunica à família e ao Sebastião que vai deixar o povoado para trabalhar no zoológico mais importante da capital. Sem saber que sua sorte está com os dias contados, Regina é só alegria. Mariana pede a Ramon que a leve ao rancho de Omar. Mariana e Ramon chegam à chácara e Ramon entretém Omar, enquanto ela conta a Florência que seus sobrinhos foram levados para um orfanato. Mariana pede ajuda a Florência, tia dos meninos, para que livre seus sobrinhos da tutela do governo. Alberto pede a Dora que investigue a fraude na tecelagem e descubra quem está desviando a mercadoria que deveria ser entregue na oficina dirigida por Rosa. Dora confessa que Pepe a pressionou para que o ajudasse a fazer a fraude e diz que agora a está chantageando e quer suborná-la. Alberto pergunta a Dora, reprovando-a, porque esconde de todos que Priscila é sua filha e lhe dá um cheque antes de levá-la ao hospital. Helena diz a Joel que trabalhará em um zoológico e ele a convida para jantar para festejar, mas Sebastião se interpõe assegurando-lhe que eles já tinham um compromisso; a sós, ela reclama por intrometer-se e assegura-lhe que sairá com Joel. Uma enfermeira anuncia que Malú será internada e Alberto fica sozinho com Priscila. Florência se comunica por telefone com Vicente para ver o que pode fazer por seus sobrinhos. Geraldo encontra a gravadora rodeada por patrulhas e decide sair do país. O Com. Malpica e a polícia informa a Regina que tem uma ordem de busca e apreensão contra Geraldo. Malpica informa a Regina que Geraldo está sendo acusado de lavagem de dinheiro e pirataria. Regina informa aos policiais que Geraldo está fora da cidade. Florência e Vicente combinam de ver-se na estação do ônibus. Helena pede a Omar que diga a Joel que passe para pegá-la à noite. Manteguinha morde-o por tê-lo raptado. Geraldo liga anonimamente para a polícia e denuncia Joel, Sandro (o Sombra) e Navarro. Alberto tranqüiliza Priscila e diz que sua avó está sendo bem atendida e logo estará recuperada. Ele comenta também que está preocupado com Joaquim e seus irmãos. Priscila confessa que tentou separá-los de Silvana por que queria ser a vocalista do grupo. Alberto pergunta a Priscila a quem ela disse que os meninos viviam sozinhos. Ela responde que cumpriu ordens de Regina, que a incumbiu de vigiá-los. Geraldo coloca discos piratas no porta-malas do carro de Vicente. Priscila se intera que Alberto é o chefe de sua mamãe e reclama-lhe por fazê-la trabalhar tanto e não dar-lhe tempo para vê-la. Fortunato lhe diz que Alberto desconhecia que era filha de Dora; a menina chora, pensa que sua mamãe não a quer e reclama para Dora por havê-la negado. Priscila pressiona Dora e pergunta por que ela não comenta com ninguém que tem uma filha. Mariana conta seu segredo a Ramon, Mateus e Dóris, mas diz que sua mãe não sabe de nada, pois ela e Silvana ainda estão investigando como tudo aconteceu, e reconhece que Omar não lhe cai bem; Ramon aceita que não é bom e Mateus lhes informa que por sua culpa seu papai teve que ir para outro país procurar emprego. Vicente passa por Florência na estação. Priscila abraça Regina, quando esta chega ao hospital e lhe pede que a leve à sua casa na frente de Dora. Alberto liga para Rosa e a presenteia com uma serenata via telefone. Logo, Alberto diz a Pepe que já sabe de tudo e ameaça mandá-lo para a cadeia, caso continue chantageando Dora e o despede. Helena sai para jantar com Joel, este lhe toma as mãos e pede a oportunidade de conhecê-la, enquanto Sebastião os observa através de uma janela do restaurante. Sebastião fica enciumado ao ver Helena dançando com o Joel. Alberto comenta com Raul que Regina está agindo de maneira muito estranha e diz que não entende, por que ela denunciou Joaquim e seus irmãos para a polícia, provocando a separação dos irmãos. Depois de falar com Alberto, Raul liga para Regina e pede a ela que leve Silvana até o hospital, para que a menina se submeta a alguns exames, pois encontrou algo estranho na chapa dos pulmões. Dora visita e pede ajuda financeira a Geraldo, enquanto Regina os escuta por uma porta entreaberta. Ele dá o dinheiro falso e pede a ela que não volte a procurá-lo, pois está de viagem marcada para o exterior; também chama sua filha Priscila de "maldita" e Dora lhe dá uma bofetada. Regina descobre que Priscila é filha de Geraldo e fica feliz, pois acha que ela, sim, merece ter seu sangue. Roberto exige a seu papai que o ajude a entrar no Torneio do Verão. Geraldo informa Regina que as coisas estão se complicando e que tem que sair do país, mas que lhe deixará dinheiro; ela segue pensando que a traiu. Meire pede perdão a Florência por espiar seus sobrinhos, porém esta assegura-lhe que foi sua culpa que os levaram por havê-los abandonado. Os amigos e a família de Helena lhe oferecem uma emocionante despedida. Alberto pede a ajuda da polícia para investigar o caso de Joaquim e seus irmãos. Helena se despede dos amigos na estação rodoviária e é surpreendida pela chegada de Sebastião, com um ramo de rosas, que, chorando, confessa que a ama e pede que não vá embora. Mesmo assim, ela sobe no trem e vai embora. Pepe acusa Dora de traição e diz que não a deixará em paz, até que ela lhe dê o dinheiro combinado. Alberto chega nesse momento e Pepe diz que Dora é uma mulher ambiciosa que escondeu dele que tinha uma filha para conquistá-lo e ficar com seu dinheiro, mas ele é detido pelos seguranças. Ramon confessa para Mariana que acreditava estar apaixonado por sua irmã, mas que só a quer como uma amiga. Sebastião confessa ao pai que está apaixonado por Helena. Florência vai ao orfanato para ver os sobrinhos. Joaquim, Júlia e Felipe são reunidos para que vejam Florência, mas não sabem como reagir. Florência visita os sobrinhos no orfanato e pede perdão a eles pelo abandono; eles a abraçam emocionados e a perdoam e a assistente social permite que vão com ela. Regina, acreditando que está falando com Mariana, ordena a Silvana que ligue para Mariana e avise que irão buscá-la em casa. Ao chegar na casa de Mariana, Regina ordena que as duas troquem de roupa e leva Mariana com ela pensando que é Silvana, pois Raul deseja fazer uns exames em sua afilhada e não deseja correr riscos. Joaquim e seus irmãos voltam para casa e são recebidos com alegria por André, Alice e Dulce. Regina diz a Mariana que vai levá-la ao hospital, para que Raul a submeta a alguns exames. Raul fica surpreso ao ver que a lesão que Silvana apresentava não aparece na radiografia e conclui que a menina não é a sua afilhada. Para tirar suas dúvidas, começa a fazer perguntas sobre o pai de Silvana a Mariana e ela, é claro, não sabe respondê-las. Helena é recebida no zoológico onde trabalhará. Sebastião confessa a Rosa que está apaixonado por Helena e lamenta ter descoberto seus sentimentos só depois que ela foi embora para a capital. Ele a aconselha a lutar pelo amor de Alberto. Roberto insiste em participar no Torneio de Verão e seu papai aceita ajudá-lo. Geraldo descobre que alguém levou seu dinheiro da casa de pirataria. Marina encontra a chave da caixa que contém um documento onde Orlando lhe outorga a custódia de Silvana. Omar diz ao pai que Mariana aceitou o cavalo de pelúcia que ele lhe deu de presente e pede a Joel que lhe ensine a montar no cavalo para conquistá-la. Joaquim conta a Alberto que Regina e Geraldo foram os seqüestradores de Mariana. Alberto conta a Joaquim que Geraldo e Regina também foram os responsáveis pela internação dele e de seus irmãos no orfanato e diz que eles tiveram a ajuda de Priscila. Priscila diz a Malú que não quer voltar a ver Dora, e esta sofre um violento ataque de tosse. Raul diz a Alberto e ao Dr. Arruda que está muito preocupado com a saúde de sua afilhada e comenta que Regina e Geraldo ultimamente tem se comportado de uma maneira muito estranha. O Dr. Arruda comenta com Raul que, há alguns anos atrás, Geraldo roubou uma das gêmeas de Rosa. O médico explica que fez o parto de Rosa e que ficou muito surpreso ao saber que ela só tinha uma filha, pois ela havia dado à luz gêmeas. Os médicos chegam a conclusão de que Geraldo e Regina devem ser denunciados. A polícia prende Joel, na frente de Omar, sob a acusação de homicídio e pirataria. No aeroporto, Geraldo coloca a irmã de sobreaviso e diz que precisam tomar muito cuidado, pois a polícia está atrás deles. Ela pede a Navarro que a leve na caminhonete. Regina encena a própria morte e os telejornais informam que ela e Navarro morreram em um acidente automobilístico. Alberto, Dr. Raul e Dr. Arruda compartilham o que sabem acerca das gêmeas e denunciam Regina e Geraldo à polícia. Mariana diz a Marina que Regina voltou a trocá-la por sua irmã. Alberto leva os Cúmplices ao povoado. No noticiário se anuncia que Regina faleceu no acidente. A policía encontra os discos pirata no carro de Vicente. Vicente é preso sob acusação de ser cúmplice na indústria da pirataria. Alberto e o Dr. Arruda reúnem todos, mostram a Rosa suas duas filhas, Mariana e Silvana, e explicam como uma das gêmeas foi roubada ao nascer e como Mariana foi seqüestrada. As gêmeas abraçam sua mãe e esta chora surpreendida. Silvana confessa a Rosa que, no início, a odiava por que acreditava que tinha sido abandonada, mas, quando ela arriscou sua vida para salvá-la, passou a admirá-la e agora a ama muito. Alberto pede Rosa em casamento e pergunta a Silvana e Mariana se o aceitam como pai. Três semanas depois... Rosa pede a Marina que cuide de suas filhas, enquanto ela e Alberto estiverem em lua-de-mel. Todos os cúmplices (Sombra) de Geraldo são presos. Rosa e Alberto se casam e na festa Luís, pai de Dóris e Mateus, promete a sua familia que nunca voltarão a se separar, Dr. Arruda convida Pura para sair e Helena assegura a Sebastião que necessita de um homem que esteja seguro do que quer; ele decide ir-se um tempo para pensar melhor nas coisas e ser digno dela. Rosa e Alberto viajam em lua-de-mel. Na festa, a banda de Mariana se une ao grupo "Cúmplices de um Resgate" para cantar. O grupo "Cúmplices de um Resgate" está se apresentando, quando o teto e o cenário desabam sobre eles. Regina aparece no meio do público e, cínica, sorri ao ver o acidente. Mariana diz a Silvana que está muito feliz com a junção dos grupos, pois agora vão poder cantar juntas. Marina comenta com Ofélio que Dóris já se encontra melhor depois do acidente do cenário. As gêmeas lêem os postais que Rosa e Alberto enviaram da Europa; Silvana pensa que ela deveria ser a única solista do grupo. Alice agradece a Santiago que supra a Vicente na gravadora, enquanto este se encontra na cadeia, onde conhece Antônio, um cantor preso por evasão de impostos, que também conheceu Geraldo. Antônio, companheiro de cela de Vicente, pergunta a ele por que foi preso se não parece um delinqüente. Vicente explica que Geraldo o envolveu em seu negócio de discos piratas e diz que está esperando que o prendam para poder provar sua inocência. Jaime pede uma grande quantidade de dinheiro a Alice para liberar Vicente. Nadine recebe o convite para a audição do Torneio de Verão e pede a sua mamãe que a leve à capital. Ramon fica vivendo com as gêmeas, enquanto Biba, Guiseppe e Sebastião estão viajando. Regina, que agora tem uma nova identidade e se chama Tânia, entra em contato com Jaime e propõe sociedade para encarregar-se de assuntos legais em uma nova gravadora que pretende montar com seu dinheiro. Ela oferece uma porcentagem na venda dos discos, além de um bom salário e, como condição, pede a ele que fique no comando da gravadora e diz que seu nome nunca deverá ser mencionado. Regina diz também que Vicente nunca deverá sair da cadeia, pois ele atrapalharia seus negócios. Ele aceita com a condição de que seu filho participe no Torneio de Verão. Santiago informa os Cúmplices que Dóris e Mateus foram viver no estrangeiro e que os organizadores do Torneio os ajudarão a encontrar quem possa substituí-los. Também diz às gêmeas que só uma poderá cantar durante o Torneio. O papai de Nadine se nega que sua filha vá à audição. Os Cúmplices decidem visitar Vicente. Regina vê no jornal a notícia de que Raul ficará encarregado das empresas de Orlando do Vale até que sua filha, Silvana, alcance a maioridade. Tânia, Regina disfarçada, que acredita ser a única herdeira do marido, fica furiosa com a notícia e diz que não permitirá que Silvana roube o que é seu. Assegura que não deixará que Silvana fique com a herança. Omar diz à mãe que está cansado de viver na pobreza e pergunta por que seu pai não lhes deixou pelo menos uma casa. Ela explica que, quando foi abandonada, o marido a deixou sem nada. Lurdes informa a Nadine que seu papai não a deixou ir à audição. Omar está desesperado, pois Maria não pode dar-lhe os luxos aos quais estava acostumado, e depois de ver um anúncio do Torneio de Verão planeja inscrever-se para obter dinheiro. O grupo "Cúmplices de um Resgate", por idéia de Felipe, se disfarçam de adultos para entrar na cadeia. Vicente fica feliz e comovido ao vê-los e pergunta como estão as coisas na gravadora. Roberto sai com uns amigos, dizendo-lhes que se seu pai souber que gosta de andar de skate, seguramente o proíbiria; um amigo promete emprestar-lhe sua equipe e seu skate para que participe em uma competição. Tânia e Jaime encontram um lugar adequado para instalar a nova gravadora e planejam aproveitando as audições do Torneio para formar seu próprio grupo e competir com os Cúmplices. Ofélio leva os Cúmplices para comer em um mercado. Silvana ameaça Priscila fazendo com que a tirem do grupo se continuar se comportando com grosseria. O tráfico impede os Cúmplices de chegar a tempo a sua apresentação e o patrocinador, Sr. Alvarez comenta com Santiago que os integrantes do grupo já estão atrasados e ameaça dizendo que, se não chegarem em vinte minutos, o show será cancelado. Na aula de dança de Nadine, a professora diz a Lurdes que sua filha tem muitas aptidões pelo qual decide levá-la à audição. Os garotos chegam ao local do show em cima da hora. Santiago, irritado, diz que terão que cantar sem ensaio e diz que, se algo sair errado, terão o contrato cancelado. O grupo que chegou a tempo e Mariana fica com Santiago para que Silvana cante, se apresenta e na platéia está Regina, Martin chega ao concerto para ver a Silvana, igual Tânia, que jura vingar-se da menina. Tânia assegura que se vingará de Silvana sem que esta saiba quem é ela. Maquiavélica, ela faz planos para recuperar a fortuna do marido e acredita que para isso tem que se fazer passar por outra pessoa. Santiago promete a Mariana que cantará no próximo concerto. Jaime surpreende Roberto vendo um programa sobre skates. Jaime ordena o filho, Roberto, que se esqueça disso e diz que, se ele pretende seguir a carreira de cantor, terá que esquecer das brincadeiras e se dedicar de corpo e alma para alcançar o sucesso. Preocupada, Alice se dá conta que não pode reunir o dinheiro que Jaime lhe pediu. Antônio pede um rádio emprestado para que Vicente possa ouvir o concerto e escuta que os Cúmplices lhe dedicam uma canção. Roberto vê o concerto pela televisão com desagrado e espera que seu grupo não seja como os Cúmplices. Silvana saúda o público e Martin dá-lhe uma carta e uma rosa; a convida para sair e pede seu telefone, porém a menina se afasta. Silvana não reconhece Martin quando ele se aproxima para lhe dar uma rosa e pedir o número de seu telefone. Ao término do concerto, Martin assegura a Silvana que não irá até que aceite sair com ele e combina de vê-la em uma cafeteria no dia seguinte. Algum tempo depois, Silvana finalmente reconhece o cantor. Silvana pensa que se parece ao cantor Martin Ricca, mas não lhe dá maior importância. Marina passa junto a Tânia e crê reconhecer seu perfume. Dora chega por causa de Priscila e lhe regala chocolates, mas esta pede que a espere lá fora. Os empresários dão um cheque a Santiago e planejam fazer mais apresentações. Florência sente uma dor forte no ventre. Tânia diz a Jaime que necessitam de um bom vocalista para competir com os Cúmplices. Santiago vai à casa de Alice e entrega a ela o cheque com o valor da fiança para que Vicente possa ser colocado em liberdade. Regina, certa de que Silvana sempre sonhou em ser vocalista e de que só aceitou participar do grupo por que não lhe restava outra opção, decide colocar uma nota no jornal abrindo inscrições para a escolha de uma vocalista. Regina pede a Jaime que coloque no jornal um comunicado solicitando jovens cantoras para participar de um concurso que irá escolher a vocalista de um novo grupo musical. Jaime põe um anúncio no jornal solicitando uma vocalista, pois Tânia está segura que Silvana o lerá. O plano de Regina é atrair Silvana para o concurso, pois assim poderá controlar a menina e, conseqüentemente, a fortuna que ela herdou. Silvana discute com Mariana por levantar-se adiantada. Helena e o diretor do zoológico concordam em buscar doações para salvar espécies animais em perigo de extinção. Florência está com a saúde abalada e pede a Alice que ela e Vicente não desampare seus sobrinhos, cuidem deles, caso algo lhe aconteça. Martin não pode ensaiar por pensar em Silvana. Nadine e Rita se dirigem à capital para realizar a audição. Omar discute com Maria e lhe assegura que não irá à escola. Silvana conta a Mariana que tem um encontro com um fã e pede à irmã que vá em seu lugar e que se desfaça de Martin, pois precisa ficar e se apresentar em uma audição e ver os candidatos. Mariana vai ao encontro e Martin a recebe com uma flor e uma mesa cheia de pétalas de rosa. Nadine chega à audição e se dá conta que um dos requisitos consiste em levar uma canção gravada e ela não tem uma. Ao se despedirem, Martin diz que quer voltar a vê-la. Incapaz de comportar-se como sua irmã, Mariana marca um novo encontro para o dia seguinte numa sorveteria. Durante a seleção, aparece uma garota que reúne todos os requisitos para vencer o concurso, mas Silvana se encarrega de convencer Santiago de que ela não deve ser a escolhida. No parque, Roberto anda no skate e sofre uma queda. Uma secretária vê Nadine chorar e lhe dá a direção onde se realizará a audição dos Cúmplices. Ninguém chega à audição planejada por Regina. Omar lê o anúncio da audição no jornal e decide ir. Alice entrega a Jaime o cheque para pagar a fiança de Vicente. Jaime informa a Alice que apareceram novas acusações contra seu marido e que, por isso, o valor do cheque já não é suficiente para pagar a fiança para libertar Vicente, porque a fiança duplicou de valor. Desesperada, Alice pede a Jaime que faça de tudo para ajudar Vicente, pois seus filhos esperam ansiosamente pela volta do pai. Mariana diz a Silvana como foi seu encontro com Martin e comenta com Silvana que seu fã se comportou muito bem e foi gentil com ela. Ela conta que o garoto a convidou para tomar um sorvete e que não teve como dizer que não. Silvana, irritada, critica a irmã por ter aceito o convite de alguém que mal conhece e deixa claro que ela terá que se livrar do garoto. Nadine chega à audição dos Cúmplices e, apesar de Silvana e Priscila a tratarem mal, recebe uma boa qualificação, mas Rita anuncia que não poderá formar parte do grupo porque não podem radicar do México. Uma garota, chamada Nadine, faz o teste para integrar o grupo "Cúmplices de um Resgate". Todos ficam surpresos com sua participação e são unânimes em dizer que ela poderá ser a escolhida. Santiago pergunta a Nadine e à sua mãe se, caso for a escolhida, ela e a família poderão se mudar para a capital. Lurdes, a mãe da menina, diz que seu marido é muito enérgico e que não acredita que ele permita que a filha faça parte de um grupo musical. Nadine, chorando, diz à mãe que adora cantar e que não permitirá que nem ela nem seu pai destruam seu sonho. Omar chega à audição de Tânia e conhece Roberto, quem será o tecladista do grupo. Ressentida pela presença de Nadine, Silvana lê o anúncio da audição de Tânia no jornal e decide acudir para ser solista. Dora se angustia ao dar-se conta que não pode seguir dando-se a vida de luxos à qual estava acostumada com o que lhe pagam em seu novo trabalho. Apesar de Nadine se negar, Rita decide regressar a Morelia. Regina, como Tânia, procura o Dr. Raul e diz que quer ser sua paciente. Ela solicita uma revisão médica argumentando que se sente mal. Regina acredita que Raul seja um entrave para seus planos e decide tirá-lo do caminho para poder ter Silvana em suas mãos. Ao ver o pouco talento que Roberto tem para tocar teclado, Jaime aconselha-o a ensaiar. Omar pratica tocando a bateria em várias lojas de instrumentos musicais, e termina improvisando uma com as panelas de Maria. Silvana pede a Marina que a acompanhe, sem dizer-lhe aonde vão. Helena recebe um cachorro de pelúcia enviado por Sebastião. Tânia sai feliz do consultório de Raul, pois sabe que se este não a reconheceu Regina, ninguém o fará. Tânia planeja desfazer-se de Raul. Joaquim pergunta a Mariana por que Silvana ocupou seu lugar e ela só lhe disse que foi resolver uns assuntos sem importância. Nadine e Rita regressam a Morelia. Marina e Silvana encontram o lugar da audição; como a babá tem um mal pressentimento, a menina lhe ordena que a espere lá fora. Silvana chega à gravadora e Regina (usando sua nova identidade) pergunta quem é ela. Silvana fica indignada e diz que não é possível que não a conheça, pois é a vocalista do grupo "Cúmplices de um Resgate". Tânia finge não conhecê-la e lhe pede que regresse no dia seguinte; a menina se nega e exige-lhe que tome uma decisão nesse momento, pelo qual Tânia propõe escutar um de seus discos e chamá-la depois. Disfarçada e usando o nome de Tânia, Regina diz a Silvana que terá que voltar no dia seguinte para a audição. Silvana diz que não tem tempo disponível e que não poderá voltar para o teste. Florência sofre um ataque de dor e desmaia. Alice a encontra e telefona para o Dr. Raul que, depois de examiná-la, decide levá-la ao hospital, pois seu estado é grave. Joaquim pergunta a Priscila se ela teve alguma coisa a ver com o fato dele e de seus irmãos terem sido levados para o orfanato. Júlia pressiona Priscila para que ela admita que, junto com Regina, foram as responsáveis pela denúncia ao Conselho Tutelar. Priscila acaba admitindo sua participação e se justifica dizendo que não podia dizer "não" a Regina. Os Cúmplices reclamam com Priscila por haver feito o que os levaram ao orfanato; ela se defende assegurando-lhes que eles tampouco nunca confiaram nela. Nina convence Santiago a contratá-la como sua nova desenhadora de imagem. Priscila se porta com grosseria com Dora diante dos Cúmplices. Dora pergunta a Priscila se ela realmente a perdoou, então porque a trata com tanta indiferença. Priscila deixa claro para a mãe que só disse que a perdoava para tranqüilizar sua avó, mas que tudo continua como antes. Regina oferece dinheiro a uma enfermeira para que esta lhe entregue os piores resultados clínicos que chegarem às suas mãos, que lhe atribua os resultados mais fatais em seu exame médico. Regina recebe os resultados falsos, os entrega a Dr. Raul e fi
iG - Internet Group


* Assine
* E-mail
* SAC
* Canais


iBest
brTurbo
nge estar desesperada pois, supostamente, está com uma doença muito grave. Joaquim pede ajuda a Ramon para escrever uma canção de amor para Mariana. Alice mente para os Cúmplices dizendo-lhes que Florência teve que sair e que passarão a noite em sua casa. Tânia informa por telefone a Silvana que foi aceita em seu grupo; a menina, emocionada, diz em voz alta que será vocalista. Mariana a escuta, quando Regina liga para Silvana e comunica que ela e seu sócio a escolheram para ser a vocalista de seu grupo, e pergunta que quer dizer com isso. Mariana pergunta a Silvana de que grupo ela vai ser a vocalista, mas a menina se esquiva e diz que ela ouviu mal. Mariana se escandaliza quando Silvana lhe diz que deseja ser vocalista e deixar o grupo. Silvana assegura a Mariana que o que quis dizer foi que já não vai cantar sozinha e lhe pergunta se Joaquim já se declarou; lhe confessa que desejava quitá-lo, porém ele só tem olhos para ela, e as duas decidem descobrir se Joaquim é apaixonado por Mariana. Ofélio comenta com Marina que devem cuidar do dinheiro, pois todas as ganâncias dos Cúmplices se destinam para a fiança de Vicente. Felipe pergunta a André se alguém gosta dele; ele não contesta, porém pensa em Júlia. Alice comenta com Raul sobre o incremento da fiança de Vicente; ele aconselha informar-se bem, pois isso não é comum. Dora pede a Priscila que lhe ajude a manter o apartamento limpo e reduzir os gastos ante a falta de dinheiro; a menina lhe diz furiosa que, além de ser uma péssima mãe, não pode manter a sua filha. Helena propõe a Rodolfo organizar um concerto ecológico com os Cúmplices para obter fundos e ajudar a preservação do lobo mexicano. Raul informa a Florência que tem uma doença incurável e ela decide passar o tempo que lhe resta de vida ao lado de seus sobrinhos. Santiago consegue outra apresentação para os Cúmplices e Silvana se inquieta, pois não quer deixar de ir a seu encontro com Tânia. Júlia informa aos Cúmplices que prometeu a suas amigas do orfanato levá-los para cantar-lhes. Santiago diz às gêmeas que ambas cantarão no concerto; Mariana lhe pede que os deixe ir ao orfanato e promete chegar cedo para ensaiar. Silvana comparece ao encontro com Martin, porém depois de um tempo Marina chega para avisar que já está na hora do ensaio. Marina a interrompe e a leva para ir à apresentação, causando seu enojo. Martin pergunta onde será o show. Silvana se preocupa, pois se Martin aparecer no show, descobrirá que ela tem uma irmã gêmea. Martin fica só sem saber aonde será o concerto ou quando voltará a vê-la. Depois de muitos contratempos, os "Cúmplices de um Resgate" cumprem sua promessa de fazer um show no orfanato onde Júlia viveu por algum tempo. Os Cúmplices chegam ao orfanato e cantam e dançam para as meninas. Martin investiga aonde será o concerto e tenta conseguir um ingresso. Roberto toca o sintetizador e Omar a bateria durante a audição de Tânia; esta lhes pede que toquem juntos e se unam bastante bem, pelo qual Tânia os aceita em seu grupo, que se chamará “Os Bandidos”. Raul marca um encontro com Alice em seu consultório para falar sobre a saúde de Florência. Dr. Raul diz a Alice que precisa conversar com ela sobre os resultados dos exames de Florência e adianta que as notícias não são nada boas. Regina comunica a Roberto e Omar que eles também farão parte do grupo que se chamará “Os Bandidos”. Tânia entrega os resultados falsos de seus exames e Raul se surpreende ao ver que padece da mesma enfermidade de Florência. Priscila se arrepende de tratar mal Dora depois de escutar as experiências das meninas do orfanato. Ofélio encontra Silvana e Marina na rua e as leva ao ensaio, enquanto os Cúmplices tomam um ônibus para chegar à empresa refresquera. Silvana chega primeiro e o anunciador diz a ela e a Santiago que já não há tempo para ensaiar, quando os Cúmplices chegam ao local onde acontecerá o show. Irritado, o dono comunica a Santiago que já não há tempo hábil para o ensaio e pede a eles que comecem imediatamente. Os Cúmplices se comprometem a oferecer um bom concerto. O anunciador apresenta os Cúmplices e Martin se surpreende ao ver que as solistas são duas meninas idênticas. Martin está na platéia e fica muito surpreso ao descobrir que Silvana tem uma irmã gêmea. Os Cúmplices sobem ao palco. Silvana e Mariana são apresentadas ao público, Silvana se incomoda ao compartilhar o cenário com sua irmã. Tânia diz para Omar e Roberto que podem ir ensaiar todas as tardes e que suas canções serão inéditas. Nadine observa o show pela televisão e pratica os passos de dança, porém Carlos a surrpreende e a manda para seu quarto de castigo. Omar evita que Jaime e Roberto o levem a sua casa para que não descubram em que zona vive. Nadine reclama com Lulú por não defendê-la na frente de Carlos e lhe faz ver que ele manda nela. O show termina e Silvana pensa que logo esse público será seu. Martin fica muito surpreso e se pergunta qual das duas é Silvana. Depois do espetáculo, Martin vai até o camarim das meninas e enojado pergunta às irmãs qual das duas é Silvana e com qual das duas tem se encontrado. Ambas respondem que ele saiu com as duas. Martin fica muito chateado e, sentindo se enganado, diz a Silvana e Mariana que as duas brincaram com ele. Martin se va; Mariana se fica mortificada e Silvana parece não dar-lhe maior importância.. O delegado Ramos diz a seus agentes que, enquanto Geraldo estiver foragido, o caso continuará aberto para que as investigações prossigam e Vicente possa ficar livre das acusações. Dora chega quando o show já acabou e chora pensando que não é uma boa mãe; Santiago trata de consolá-la e lhe conta como esteve o show para que não fique mal frente a sua filha. Lurdes tenta convencer o marido, Carlos, a deixar a filha, Nadine, cantar, pois esse é seu grande sonho. Mas, ele está irredutível em sua decisão e diz que sua filha nunca fará parte de um grupo musical. Carlos assegura a Lulú que jamais permitirá que Nadine seja uma artista. Santiago diz a Dora que ela deveria acompanhá-los mais vezes às apresentações. Sarcástica, Priscila diz a Santiago que sua mãe é uma mulher muito ocupada e não acredita que ela possa assistir aos shows. Tânia revisa o trabalho de vários desenhadores de imagem e nenhum lhe satisfaz. Roberto anuncia a seus amigos que fará parte de um grupo musical, porém ao ver que estes se escandalizam finge estar brincando. Martin comenta com os pais que nunca mais quer ouvir falar de Silvana. Humberto comunica a Jaime que ele está fora da turnê de verão, pois já descobriram que ele também trabalha em outra gravadora e isso não é permitido pelo comitê. Ofélio comenta com Marina que não gosta nada das saídas misteriosas de Silvana e Mariana. Carlos proíbe Nadine fazer parte dos Cúmplices. Martin ensaia para o Torneio de Verão. Silvana e Mariana falam sobre pedir perdão a Martin. Regina, disfarçada de Tânia, pede a Silvana que vá até a gravadora para assinar o contrato. Tânia consegue que Silvana assine o contrato para pertencer aos Bandidos, porém a menina lhe adverte que só cantará com eles depois da primeira apresentação dos Cúmplices no Torneio, devido que não pode abandoná-los tão repentinamente. Depois de Silvana comunicar que, por enquanto, não poderá abandonar seu grupo, Regina fica irritada, mas tenta se controlar, pois precisa da garota. André confessa para Alice que os Cúmplices lhe ajudaram para que pudesse visitar Vicente na cadeia; Alice, por sua vez, conta a André que a fiança para libertar seu pai aumentou muito, porque duplicou, e eles não têm condições de pagá-la. Júlia, Felipe e Joaquim notam que Florência está muito preocupada e pensam que é por falta de dinheiro. Omar se surpreende ao encontrar-se com Silvana na gravadora de Tânia. Silvana e Omar se encontram e Regina diz aos dois que é bom que já sejam amigos, pois farão parte do mesmo grupo. Helena recebe a notícia de que se encarregará no zoológico de uma espécie em perigo de extinção. Florência decide não acompanhar seus sobrinhos no torneio devido à sua enfermedade. Omar falsifica a assinatura de Maria no contrato para ter sua autorização de integrar-se ao grupo de Tânia. Santiago vai até Morelia para convencer Lulú que permita Nadine atuar no Torneio de Verão e esta aceita ir à primeira apresentação. Santiago vai buscar Nadine em casa, pede a Lurdes que os acompanhe até a gravadora e, se ela não gostar de alguma coisa, ele pessoalmente a levará de volta à sua casa. Na casa de Silvana, Santiago comunica aos Cúmplices que Nadine passará a fazer parte e será a nova integrante do grupo. Todos comemoram a chegada da nova vocalista, menos Silvana, e Priscila pensa em tornar Nadine sua aliada para desfazer-se de Silvana.. Silvana, sem esconder seu descontentamento, diz a Santiago que não acredita que Nadine esteja preparada para participar da turnê. Tijerino mostra seus desenhos para Tânia e esta o contrata imediatamente. Florência padece muitas dores. Santiago apresenta a Nina diante dos Cúmplices. Jaime diz a Regina que não poderá continuar trabalhando para ela por que faz parte da equipe que viajará pelo país na turnê de verão, e a gravadora não permite que ele tenha outro emprego. Jaime informa Tânia que prefere seguir sendo parte do comité organizador do Torneio de Verão, porém ela o convence de ficar na gravadora oferecendo-lhe uma parte da herança de Silvana; também lhe ordena voltar a duplicar a fiança de Vicente. Regina propõe a ele um negócio onde poderá ganhar muito dinheiro e Jaime decide ficar trabalhando com ela. Humberto pede a Silvana e Martin que decidam com uma moeda quem abrirá o torneio; Martin ganha, porém cede seu lugar para a menina com indiferença. Silvana comenta com Mariana que Martin cedeu seu espaço para que os Cúmplices abram o show e diz que essa é uma ótima oportunidade para lhe pedir desculpas, já que o garoto continua muito chateado com tudo o que aconteceu. Tânia anuncia a Omar e Roberto que se apresentarão no Torneio quando Silvana terminar seus compromissos e encontrar um bom baixista. Roberto se preocupa ao saber que vários meios de comunicação cobrirão o torneio e que os Skatistas podem vê-lo. A Nadine cai mal a inocência de Mariana e se identifica melhor com Priscila. Alice visita Vicente na prisão e diz ao marido que não será possível pagar a fiança, pois o valor aumentou depois que ele foi acusado de outros crimes e lhe presenteia com uma televisão para que veja os Cúmplices. Silvana aconselha a Mariana desculpar-se com Martin para que seja ela a que fique mal ante ele. Humberto diz a Santiago que uma das surpresas da turnê é que os Cúmplices e Martin participarão juntos de uma sessão fotográfica que acontecerá logo depois do espetáculo. Roberto, com medo que seus amigos descubram que agora é artista, diz ao pai que não quer mais fazer parte do grupo musical. Florência, arrependida de não ter dado aos sobrinhos a atenção que eles mereciam, pede a Deus que não permita que ela tenha muitas dores para poder cuidar deles. Roberto está confuso: não quer que seus amigos burlem dele, porém também deseja pertencer aos Bandidos; Jaime diz ao filho que não pode desistir de fazer parte do grupo, pois ele já se comprometeu com Tânia. Jaime lhe adverte que já tem um compromisso com Tânia e que não poderá sair do grupo. Vicente diz a Antônio que está compondo algumas canções para os Cúmplices. Mariana pede a Martin que lhe permita falar com ele, porém este tem que sair para cantar; Joaquim se surpreende ao vê-los juntos. Martin sai ao palco e Silvana se une a ele para cantar. Martin está no palco e Silvana começa a cantar com ele. Omar se surpreende ao ver que Mariana e Silvana são idênticas e compreende que são gêmes. Helena informa ao diretor do zoológico que irá visitar suas sobrinhas. Priscila se surpreende ao ver Silvana cantando com Martin, que se encontra emocionado. Ramon diz para Joaquim que já está quase pronta a canção de amor que lhe encarregou para Mariana. Santiago não gosta nada da atitude da menina e, depois do show, reúne os Cúmplices para que Silvana lhes explique por que cantou com Martin e ela assegura que este lhe pediu. Santiago deixa muito claro para Silvana que não quer que ela volte a cantar sozinha. Silvana, muito digna, diz que isso não voltará a acontecer, pois está deixando o grupo "Cúmplices de um Resgate", pois tudo o que faz parece causar problemas. Priscila diz a Nadine que, se Silvana deixar o grupo, ela se encarregará de pegar o lugar de Mariana. Nadine está interessada em Martin. Ao terminar o show, os Cúmplices tem uma sessão de fotos com Martin. Santiago tenta descobrir o motivo da saída de Silvana do grupo e ela conta para ele e para os Cúmplices que será a vocalista de um grupo chamado "Silvana e os Bandidos". Os Cúmplices pedem a Silvana que não se vá e Santiago tenta convencê-la de ficar, porém ela está decidida.Silvana diz a Priscila que certamente ela está feliz com a sua saída do grupo mas, lembra a rival que sua irmã, Mariana, continua e ela nunca chegará a ser a vocalista do grupo. Florência continua sentindo-se mal. Tânia pede a Raul que vá revisá-la em sua casa, porém ele se nega por ter uma operação. Na coletiva de imprensa Silvana e Martin monopolizaram a atenção dos meios. Mariana se desculpa com Martin e confessa a Martin que, no dia do encontro, sua irmã não pode comparecer porque tinha um compromisso e ela foi em seu lugar, porque não quis que ele ficasse esperando; este aceita as desculpas e convida todos os Cúmplices para umas provas de motocross.. Joaquim e seus irmãos, inconformados, contam a Alice que Silvana já não faz parte do grupo. Florência diz aos sobrinhos que, aconteça o que acontecer, nunca se esqueçam que ela os ama muito. Ela pede a Joaquim que cuide de seus irmãos e que eles continuem confiando plenamente em Alice e Vicente. Mariana tenta convencer Silvana a voltar para o grupo, mas ela diz que não pretende desistir de seu sonho de um dia ser uma vocalista e esse é o primeiro passo para conseguir realizá-lo. Alice informa Santiago que aumentaram a fiança de Vicente. Priscila convida Nadine para dormir em sua casa. Silvana se molesta diante da insistência dos Cúmplices de que não abandone o grupo. Os amigos de Roberto lhe informam que o concurso de skate acontecerá no al dia seguinte. Helena informa suas sobrinhas que irá visitá-las. Silvana pede a Mariana que durma no quarto de hóspedes. André comenta com Joaquim que dobraram a fiança de Vicente e que ainda não será liberado. Felipe está triste ante a saída de Silvana, porém Joaquim lhe assegura que ela sempre será um membro dos Cúmplices ainda que deixe o grupo. Silvana fica de encontrar-se com Raul. Joaquim encontra a tia desmaiada. Ele pede a Júlia que chame uma ambulância e a Felipe que avise Alice. Martin fala com Silvana e ficam de ver-se na pista de motocross. Alice tenta tranquilizar Joaquim e seus irmãos. Ramon termina a canção de amor de Mariana. Silvana pergunta a Ramon se ele gostaria de recuperar a visão e promete falar com seu padrinho, Raul, para ver se a operação é possível e para ajuddá-lo a recuperar a visão. Nadine diz para Priscila que não suporta as gêmeas e esta lhe assegura que odeia mais a Mariana por quitar-lhe Joaquim. Geraldo fala com Tânia e, indignado, pergunta a Regina porque trocou de identidade e diz que terá que manter contato com ela, pois vai precisar de muito dinheiro. Ele ameaça ir visitá-la se não lhe enviar dinheiro. Geraldo previne a irmã para que não se exponha, pois a polícia acredita que ela está morta. Raul diz para Silvana que outros médicos que podem tratar Ramon quando recebe o telefonema de Alice informándo-lhe que Florência está no hospital. Jaime ordena a Roberto aprontar-se para ir ao ensaio dos Bandidos. No hospital, o médico informa a Alice e aos sobrinhos de Florência que ela acaba de falecer. Joaquim e os irmãos ficam desesperados com a notícia e com medo de voltarem para o orfanato. Alice tenta tranqüilizá-los e diz que prometeu a Florência que cuidaria deles. Raul chega com os demais Cúmplices e estes tratam de animar aos irmãos, porém Silvana se vai pretextando que tudo isso lhe recorda a morte de seu pai. Omar reclama com Roberto por não saber se deseja ficar no grupo. Regina pede a Jaime que vá buscar André e, com promessa, ofereça muito dinheiro para liberar Vicente, para que ele seja o baixista do grupo. Regina, caracterizada de Tânia, fica surpresa ao ver Silvana chegar acompanhada de Ofélio, que a levou à gravadora. Ofélio diz a Regina que tem a impressão de já tê-la visto em algum lugar, porém a confunde com uma estrela de televisão.. Helena chega ao hospital e tenta levantar o ânimo dos meninos. Silvana informa a Tânia que Raul assinará seu contrato, pois é quem maneja toda sua fortuna. Os Bandidos experimentam e desfilam os modelos de Tijerino e Tânia fica satisfeita, dizendo-lhes que agora depende deles desbancar os Cúmplices e pergunta a Silvana se isso é o que deseja fazer. Regina diz a Silvana que seu grupo será um sucesso e acabará com os "Cúmplices de um Resgate". Silvana diz que só quer provar que é uma boa cantora e que seus companheiros não souberam reconhecer seu talento. Omar diz que eles são um grupo e juntos chegarão ao sucesso. Imponente, Silvana diz que não pretende cantar em nenhum grupo, pois seu sonho é ser vocalista. Se organiza uma missa em honra de Florência. Nadine e Priscila se tornam boas amigas e concordam estar contra as gêmeas. Silvana ensaia com Omar e Roberto quando chega Santiago, dizendo-lhe que é uma menina egoísta e envaidecida. Santiago diz a Silvana que está muito decepcionado, pois ela só está interessada em satisfazer sua própria vaidade. Lulú vai por causa de Naydelin à casa de Priscila informando-lhe que regressarão a Morelia; a menina fica histérica e lhe assegura que não deixará o grupo. Marina ajuda Alice guardar as coisas de Florência e comenta que ficará com seus sobrinhos, pelo que agora tenrá cinco filhos. Antônio diz a Vicente que é muito raro a forma na qual atua seu advogado e que devería interar-se bem do que está passando. Silvana e os Bandidos decidem dar por terminado o ensaio ante a ausência de Tânia. Roberto pede a Omar que o acompanhe no concurso de skate e Silvana acude à pista de motocross, onde Martin a covida para subir com ele em uma moto. Alice começa a procurar trabalho e Marina lhe dá a idéia de vender pastéis, bolos, salgadinhos, doces e biscoitos nos shows. Os Cúmplices chegam à pista de motocross. Regina finge um mal-estar e pede a Dr. Raul que vá examiná-la. Raul acude à casa de Tânia, que se faz enferma. Ela pergunta ao médico quanto tempo lhe resta de vida e Raul, acreditando que os exames que recebeu pertencem a ela, responde que lhe resta muito pouco tempo. Roberto leva Omar para conhecer seus amigos e vê-lo no concurso de skate e o apresenta como companheiro de escola. Omar, surpreso, pergunta porque o apresentou dessa maneira e ele explica que seus amigos não sabem que ele está fazendo parte de um grupo musical. Jaime vai procurar André em sua casa e Alice pensa que ele tem alguma notícia sobre o caso de seu marido. Mas, as informações trazidas por Jaime não são nada animadoras, pois ele diz que o caso de Vicente está muito complicado. Regina oferece um café com veneno para o Dr. Raul. O médico, sem suspeitar de nada, toma o café envenenado, começa a sentir-se mal e finalmente desmaia. Tânia ri diante do corpo inerte de Raul. Regina acredita que se livrou de um obstáculo e que agora poderá dar continuidade a seus planos. Silvana reclama para Mariana por levar os Cúmplices à pista de motocross. Os skatistas ganham a competição e passam à final do concurso. Martin passeia a todos em sua moto; antes de ir-se combina de encontrar-se com Silvana outro dia. Alice informa a Joaquim e seus irmãos que agora viverão em sua casa. Omar diz a Roberto que já descobriu que ele esconde a verdade de seus amigos, pois eles o ridiculizariam se soubessem que faz parte de um grupo musical. Omar e Roberto fazem um trato para que ninguém descubra que fazem parte dos Bandidos no momento. Jaime chantageia André e diz que, se ele quer mesmo tirar seu pai da cadeia, terá que sair dos "Cúmplices de um Resgate" e se integrar a um novo grupo como baixista. Jaime ilude o garoto, diz que no novo grupo ele será muito bem pago e pede a ele que não comente nada com ninguém, muito menos com sua mãe e o encontra na Enter Records ao dia seguinte. Um mensageio entrega à secretária de Raul uma carta supostamente escrita por ele, na qual a deixa a frente do consultório com o pretexto de que sairá do país. Helena comenta com Silvana e Mariana que precisa arrecadar fundos para o zoológico e pergunta se os "Cúmplices de um Resgate" não poderiam fazer um show no zoológico com a renda revertida para o projeto para preservar ao lobo mexicano e pede que a ajudem. Silvana diz a Helena, surpreendendo-a, que não devem contar com ela, pois já não faz parte do grupo, mas se oferece para pedir a Martin que participe do show. André comenta com Joaquim o convite que recebeu de Jaime para fazer parte de um novo grupo e diz que aceitou, porque assim poderá ajudar seu pai a sair da cadeia. Joaquim diz que gosta muito de Vicente e que fará o mesmo para ajudá-lo, deseja unir-se também para obter mais dinheiro entre os dois. Priscila assegura a Dora que lhe convém que saia com Santiago, pois assim poderia convencê-lo de convertê-la na vocalista do grupo. Santiago aceita a proposta de Helena. Martin confessa a Silvana que é a primeira vez que sai com uma garota, pois sua vida é muito corrida e a carreira absorve todo seu tempo. Martin pede a Silvana que seja sua madrinha na corrida de motocross. Martin assegura para Silvana que passou um dia incrível a seu lado e ela fica feliz. André chega à gravadora para a entrevista que tem com Regina e diz que só fará parte do novo grupo, se Joaquim também puder participar. Regina aceita e obriga os garotos a assinarem muitos documentos. Omar reclama para Maria por não ter melhor roupa para ir ao trabalho e pensa em dizer-lhe que está em um grupo musical, porém se arrepende, não quer que os Bandidos vejam que sua mamãe é humilde. Na sala de ensaios da Enter Records, Joaquim e André ficam preocupados por não avisar aos Cómplices que não chegarão ao ensaio. Omar entra em uma loja de roupa e rouba uma roupa, um sobretudo, para a estréia do grupo. Santiago e o organizador do Torneio de Verão informam Helena que o show no zoológico se poderá levar ao fim. Tânia mostra aos Bandidos os novos integrantes e Silvana se surpreende ao descobrir que são Joaquim e André. Regina apresenta Silvana para André e Joaquim; Omar e Roberto dizem aos garotos que só vão tocar, porque Silvana é a vocalista. Eles se recusam a seguir ensaiando até avisar aos Cúmplices que não poderão ir e depois tenta falar por telefone em vão. Preocupados com os amigos, Joaquim e André dizem a Silvana que precisam avisar os integrantes de "Cúmplices de um Resgate" que não fazem mais parte do grupo. Silvana pede a Ofélio recomendando que leve os garotos à gravadora, e depois os traga de volta. Enquanto isso, Silvana tentará distrair Regina para que ela não desconfie de nada. Vicente consegue comunicar-se com Jaime, que promete ir visitá-lo nesse mesmo dia. Joaquim e André chegam na caminhonete à gravadora e os meninos pedem a Ofélio que avise Mariana que eles não vão comparecer ao ensaio. Tânia pergunta onde estão os novos integrantes, Joaquim e André, e Silvana fica preocupada. Ela diz para Tânia e assegura aos Bandidos que pediu a eles que trocassem de roupa para não deixar o grupo em má situação. Regina, irritada, diz a Silvana que da próxima vez a avise antes de tomar uma decisão. Os skatistas vão à tarde onde tocam Silvana e Os Bandidos, que saem do palco com o rosto coberto. Vicente faz uma guitarra na carpintaria da cadeia para André. Alice faz arranjos de flores e frutas para vender. Jaime visita Vicente e lhe diz que encontrarão outros cargos contra ele. Dora come com Santiago. Iván reconoce a Omar en la salida de la tardeada y lo saluda; éste logra cubrir a Roberto para que no lo vea. Joaquim diz a André que sente muito em estar tocando em outro grupo e diz que só está fazendo isso pelo carinho que sente por Vicente. Joaquim e André chegam à gravadora e comunicam aos amigos que decidiram fazer parte do grupo "Silvana e os Bandidos", sem dar mais explicações. Decepcionada, Mariana se afasta e diz a Helena que está muito decepcionada com a atitude de seu amigo Joaquim e que acaba de se convencer de que ele não gosta dela, lhe quebrou o coração. Joaquim diz a André que terão quer ser fortes para suportar a indiferença de seus amigos. Ramon decide não pressionar André e Joaquim, porém lhes assegura que tem seu apoio. Omar confessa para Roberto que sua mamãe não sabe que está no grupo. Santiago pede a Joaquim e André que expliquem o motivo pelo qual decidiram sair do grupo "Cúmplices de um Resgate" e perguntam se eles já pensaram no mal que estão causando a seus amigos. Eles dizem que a única razão é que querem estar ao lado de Silvana, que se intera que Raul deixou sua secretária encarregada do consultório. Mariana pede a Santiago que não permita que seus amigos abandonem o grupo, mas ele diz que não pode fazer nada para impedi-los. Mariana decide deixar de cantar com os Cúmplices. Santiago pede a Mariana que o ajude a dar continuidade ao trabalho do grupo e a convence. Mariana reclama com Silvana por fazer com que André e Joaquim abandonassem os Cúmplices, enquanto esta lhe assegura que não teve nada a ver em sua decisão. André e Joaquim pedem a Júlia e Felipe que confiem neles. Martin faz uma serenata para Silvana e pede a ela que seja sua namorada com um cartaz. Martin declara seu amor a Silvana e esta, depois de tentar fazer-se a interessante, aceita ser sua namorada. Mariana chora pela separação de Joaquim, enquanto ele também sofre por tê-la feito sentir-se mal. André e Joaquim não podem conciliar o sono por haver abandonado os Cúmplices. André e Joaquim pedem a Júlia e Felipe que tentem entender a decisão que tomaram. Joaquim diz a André que está muito chateado por Mariana ter deixado de falar com ele. Silvana comenta com Ramon que falou com seu padrinho sobre seu caso e ele se prontificou a falar com um amigo oftalmologista, mas diz que está muito preocupada, pois Raul parece haver desaparecido. Martin conta aos pais que dedicou uma serenata para Silvana e que os dois já estão namorando. Os pais do garoto pedem ao filho que lhes apresente a namorada. Dora informa Priscila que irá com Santiago ao show no zoológico e a menina insiste em que tem que ajudá-la a converter-se na vocalista do grupo, porém sua mamãe se recusa. Maria encontra o sobretudo que Omar robou e suspeita que seu filho anda metido em algo raro. Joaquim tenta falar com Mariana, porém esta finge não vê-lo na gravadora. Os Cúmplices chegam ao zoológico e desejam recorrê-lo. Martin chega ao zoológico, onde será realizado o show, e ao perguntar por Silvana, se surpreende ao interar-se de que já não está no grupo. Priscila aproveita para falar mal de Silvana e Mariana sai em defesa da irmã. Carlos chega a sua casa e se enfurece ao dar-se conta que Lulú e Nadine não estão. Martin pergunta a Silvana por que não lhe disse que estava em outro grupo. Silvana se justifica dizendo que queria fazer uma surpresa. Os Cúmplices, Os Bandidos e Martin se preparam para iniciar o show. Priscila e Tânia se encontram sem querer em um corredor; a menina não a reconhece como Regina. Regina se encontra frente a frente com Priscila e pensa que ali está sua querida sobrinha. Regina encontra Priscila e se apresenta como Tânia Belmont, a diretora do grupo "Silvana e os Bandidos". Durante o show, Martin dedica uma canção par a Silvana e Omar fica furioso ao interar-se que são namorados. Silvana e seu grupo entram no palco e Martin, apressado para ver a namorada, acaba dando um encontrão em Nadine, que, assim como Omar, também morre de inveja, pois Silvana está estreiando grupo e namorado. Regina conversa com Priscila e a menina conta que é a vocalista do grupo "Cúmplices de um Resgate" e que alguns dos integrantes de seu grupo foram para o grupo de Silvana. Nadine diz a Priscila que, apesar de suas diferenças com Silvana, deve reconhecer que ela cantou muito bem e que sua apresentação foi um sucesso. Priscila e Nadine põe uma armadilha para Joaquim para fazer ficar mal para Mariana. Joaquim vai buscar Mariana. Priscila recebe o menino e diz que não acredita que Mariana queira falar com ele. Nadine entra no camarim de Mariana e conta que Joaquim e Priscila estão conversando animadamente e que ele disse que sair do grupo "Cúmplices de um Resgate" foi a melhor coisa que fez na vida. Nadine e Priscila procuram Omar e Roberto, e se apresentam respectivamente com eles e combinam de se verem mais tarde para praticar. Nadine propõe a Omar que os dois se unam para separar Silvana e Martin, já que ele está interessado em Silvana e ela no Martin. Mariana passa perto de Omar e se esconde para que não a reconheça. Silvana e Oos Bandidos se apresentam com grande êxito; ninguém se dá conta que André e Joaquim tocam nesse grupo devido a que um lenço cobre seus rostos. Carlos, o pai de Nadine, fica furioso ao ver a filha na televisão e promete castigá-la por ter desobedecido suas ordens. Alice se surpreende ao ver que André e Joaquim não estão com os Cúmplices, pelo que intui que tocaram com Silvana e os Bandidos. O público recebe muito bem aos Cúmplices, que cantam três canções de seu novo disco. Furioso, Omar golpeia os móveis do camarim e Roberto o convence para que vão ver o show. Ao sair, Omar topa com Martin. Omar, furioso, empurra Martin desafiante e pergunta se ele é o namorado de Silvana. Martin confirma que é namorado de Silvana e pergunta a Omar qual é o problema. Omar diz que Silvana tinha aceitado ser sua namorada antes dele chegar e ameaça o "rival" dizendo que isso não vai ficar assim. Martin diz que ele e Silvana continuarão juntos. Silvana comenta com Martin que tem certeza que Priscila não descansará enquanto não pegar o lugar de Mariana no grupo, e diz que fará de tudo para não permitir que ela prejudique sua irmã. André e Joaquim se entristecem por não poder atuar com os Cúmplices. Nina e Tijerino discutem acerca de seus desenhos. Na coletiva de imprensa, os repórteres perguntam para Silvana por que deixou os Cúmplices e por que Os Bandidos ocultam seu rosto. Silvana apresenta Marina para Regina, que está usando a identidade de Tânia, e conta que ela é sua tutora. Furiosa ao ver a empregada viva, Regina pensa que Geraldo e seus comparsas não serviram nem para eliminá-la. Marina comenta com Silvana que sentiu algo muito estranho, uma vibração negativa, ao estar perto de Tânia. Martin felicita Silvana pelas respostas que deu na coletiva de imprensa. Rodolfo agradece Helena e Santiago, pois o show todo foi im sucesso. Joaquim tenta falar com Mariana, porém Priscila o intercepta; Omar aproveita para conversar com a gêmea. Maria recebe o aviso de que logo dará inicio o juízo de Joel. O delegado comenta com seus agentes que está muito próximo de conseguir as provas necessárias para incriminar Geraldo. Alice, irritada, pergunta a André e Joaquim quem
iG - Internet Group


* Assine
* E-mail
* SAC
* Canais


iBest
brTurbo
foi que lhes deu permissão para deixar o grupo "Cúmplices de um Resgate". Eles explicam que tomaram essa decisão para conseguir o dinheiro necessário para pagar a fiança e livrar Vicente da prisão e dizem que depois pretendem voltar ao antigo grupo. Marina flagra Ofélio conversando com uma mulher, Nina, que desmaia e Ofélio faz respiração boca a boca; Marina pensa que a está beijando e, furiosa, rompe o namoro com ele. Martin recorda Silvana que aceitou ser sua madrinha na competição de motocross. Joaquim pede a Mariana que o deixe explicar quais foram os motivos que o levaram a mudar de grupo. Joaquim diz a Mariana que precisa conversar com ela. Mariana responde com agressividade e pergunta se ele quer contar o quanto está feliz por ter abandonado o grupo. Mariana se nega a falar Joaquim, que trata de convencê-la a falar com ele, mas Helena chega e a leva. Regina diz a Martin que gostaria muito que ele se transferisse para a sua gravadora e garante que lá ele ganharia muito dinheiro, além de poder ficar mais perto de Silvana. Martin diz que não está interessado em trocar de gravadora e que Silvana pode ver em qualquer outro lugar. Mariana e Silvana recebem carta de Rosa e Alberto. Rodolfo entrega um reconhecimento aos meninos por sua participação no show. A imprensa divulga que a atuação de Silvana e Os Bandidos foi um sucesso. Julia informa André e seu irmão que Nadine assegurou que eles estavam muito contentes com o outro grupo, e Joaquim compreende porque Mariana está aborrecida com ele. Silvana diz a Ramon que um médico começará a examiná-lo para ver se pode recuperar a visão; ele, por sua parte, lhe pede que fale cm Mariana para solucionar suas diferenças. Os representantes do Torneio de Verão encontram aos dois grupos e a Martin. Regina comemora o sucesso do novo grupo e a repercussão na imprensa. Nina está muito chateada, pois os jornais e revistas só falam do novo grupo e nem citam os "Cúmplices de um Resgate". Regina pergunta a Jaime se ele já providenciou o contrato especial, ele lhe mostra os papéis alterados, e pede a ele que consiga a assinatura de Marina, a tutora de Silvana. Jaime leva uns papéis alterados para que Marina os assine; Marina diz a Jaime e Silvana que pretende ler o contrato atentamente, mas acaba convencida por Silvana, a assiná-lo depois de ouvir as explicações de Jaime sobre o conteúdo. Tania entrega seu pagamento aos Bandidos; André e Joaquim recebem menos e Jaime lhes assegura que lhes foi descontado dinheiro para pagar a fiança de Vicente. Durante o sorteio para determinar qual grupo abrirá as diferentes praças do Torneio de Verão, chega Carlos, disposto a levar Nadine; Santiago tenta acalmá-lo sem êxito. Carlos, o pai de Nadine, chega à gravadora e, visivelmente irritado, lembra a esposa e a filha que sempre foi contra sua participação em um grupo musical. Nadine, chorando, pede à mãe que fique do seu lado e a ajude a realizar seu sonho. Lulu diz ao marido que pretende apoiar a filha. Carlos, indignado com a decisão da esposa, adverte que, se ela insistir em alimentar os delírios da filha, então esqueça que um dia teve um lar. Martin convida todos para sua competição de motocross. Nadine diz a Priscila que lhe alegra que Lulú a tenha apoiado. Omar sabota a moto de Martin e põe água com açúcar no tanque da moto, enquanto Martin apresenta Silvana como sua namorada diante de seus papais. Nadine fica revoltada com a atitude de Omar e adverte que ele terá que se ver com ela, caso aconteça algo de grave com o garoto. Durante a corrida, o garoto acaba sofrendo um acidente sem ter lesões graves e regressa à competição com uma moto emprestada, resultando ganhador. Regina diz a Jaime que Marina nunca soube realmente o que dizia o documento que assinou e ordena que ele entre imediatamente com uma ação contra ela. Tânia se alegra que Marina tenha assinado o contrato sem saber que era uma armadilha e pede a Jaime fazê-lo válido para prejudicar a Silvana. Omar abre o jogo com Martin, admite que sabotou sua moto, que provocou o acidente, e diz que isso não é nada se comparado ao que pode lhe acontecer com Silvana e sua irmã se não terminar seu namoro com ela. Na sala de jantar, Omar se senta junto a Silvana, e Martin, pensando que ele é capaz de tudo, se senta junto a Nadine para proteger a sua namorada. Silvana reclama com Martin por não ter comido com ela. Ao ver que Omar lhe faz gestos ameaçadores, e com medo do que possa acontecer, Martin termina seu namoro com Silvana pretextando que não se sente muito à vontade com ela e diz que quer apenas ser seu amigo. Nadine se aproveita da situação e tenta conquistá-lo. Rodolfo confessa à Helena que está apaixonado, mas ela acaba com as esperanças do rapaz ao dizer que não pode corresponder-lhe, pois seu coração pertence a outra pessoa e que ama esse homem. Silvana pensa que Martin se cansou dela e assegura que nunca o perdoará quando chega um agente a sua casa com uma ordem de despejo por parte de Geraldo, advirtindo-lhes que tem 10 horas para desocupar a mansão. Mariana tenta localizar Rosa e Alberto, mas se encontram em um safári. Nadine pede a Martin que os leve à gravadora e a mamãe deste pergunta por Silvana. Tânia entra na residência dos Del Valle, feliz por recuperar sua casa. Nadine descobre Lulú chorando, porém não se atreve consolá-la por medo que deseje regressar a Morelia. O único que encontra Ofélio para viver é um quarto de vizinhança e Silvana e Mariana se mudam para uma Vila e pedem a Marina que não comente com ninguém onde estão morando. Silvana diz a Marina que nunca morou num lugar tão feio e diz que não quer que nenhum de seus amigos saibam de sua situação. Rodolfo pede uma oportunidade a Helena, porém esta se nega e lhe fala de Sebastão. Helena diz a Rodolfo que seu coração pertence a Sebastião e que está disposta a esperá-lo o tempo que for necessário. Silvana comenta com Marina que levará Ramon para ser examinado por um especialista, amigo de seu padrinho, para que ele diga se existe alguma possibilidade de Ramon voltar a enxergar. Santiago e o comitê do Torneio de Verão estabelecem que a clásula se faça em Veracruz. Os Cúmplices decidem fazer algo para ajudar Nadine e Joaquim telefona para Carlos para encontrá-lo em um restaurante, mas não conseguem convencê-lo de apoiar a sua filha. Santiago declara seu amor a Dora e diz que gostaria muito de ter um relacionamento com ela. Ele pede que formalizem sua relação e lhe aconselha dizer a verdade para Priscila. Os "Cúmplices de um Resgate" planejam a ida do pai de Naydelin à capital para tentar convencê-lo a apoiar a filha na sua carreira de cantora. Silvana diz para Tânia que o que lhe paga não é suficiente e leva Ramon ao médico, que lhes informa que é muito provável que recupere a visão através de uma operação. Depois de examinar Ramon, Dr. Salazar diz que vai operar o garoto e garante que ele poderá recuperar a visão. Junto com seus amigos, Roberto ganha o torneio de skate, porém sem querer cobre seu rosto com um lenço preto e Ivan suspeita que pertence aos Bandidos. Roberto e Omar convidam Priscila e Nadine para ir às compras; Omar rende uma limusine e todos crêem que é dele. Marina aconselha Mariana a ouvir o que Joaquim tem a dizer sobre sua saída do grupo e que o deixe arrumar o problema que existe entre eles. Ivan descobre em uma banca de jornais uma publicação com a foto de Silvana e Oos Bandidos, descobrindo que Roberto pertence a esse grupo. Os amigos de Roberto descobrem que ele faz parte de um grupo musical. Ivan conta aos amigos que Roberto faz parte de um grupo musical e sugere que o menino não faça mais parte da equipe. Para acabar com as dúvidas sobre a participação de Roberto no grupo musical, Fernanda decide procurá-lo mas, ao chegar em sua casa, Jaime informa que ele foi para o ensaio na gravadora. Fernanda compreende que Roberto é parte de "Os Bandidos" e decide ajudar Roberto dizendo aos amigos que seu pai disse que ele foi até o colégio fazer um trabalho. Tijerino e Nina fazem as pazes. Regina diz a Priscila que gostaria muito de transformá-la em uma artista famosa, entrega a ela algumas letras de canções para que comece a decorá-las e garante que a qualquer momento poderá chamá-la para gravar e promete torná-la uma cantora famosa. Ramon compartilha com Joaquim um plano para que possa reconciliar-se com Mariana. Silvana se surpreende ao encontrar Priscila e Nadine na Enter Records e elas se burlam. Nadine e Priscila contam a Silvana assegurando-lhe que Martin as convidou para o seu show e dizem que o garoto pediu que não comentassem nada com ela, pois não quer vê-la nem pintada de ouro. Silvana conta a Joaquim e André que Ramon vai ser operado e os três combinam de se encontrarem no hospital. Helena não pode localizar suas sobrinhas e pressente que algo mal lhes aconteceu. Silvana pede dinheiro emprestado a Tânia e esta lhe dá um cheque e novas canções que deve memorizar para uma apresentação ao dia seguinte em uma loja de brinquedos. Dora confessa a Priscila que seu pai é Geraldo e que ele nunca quis reconhecê-la; Dora discute com Priscila e acusa a filha de ser tão ambiciosa quanto o pai. Priscila enfrenta a mãe e sai em defesa do pai. Dora diz que Geraldo não é uma boa pessoa e conta para a filha que seu pai não queria que ela nascesse. Priscila, decepcionada, vai embora de casa depois de descobrir a identidade de seu pai e se refugia na casa de Regina. Marina pede perdão a Ofélio e se reconciliam. Dora descobre que Priscila desapareceu e a menina chega com Tânia, a quem confessa que estranha sua tia Regina, pois era a única que a queria além de seus avós. Ramon e Mariana tentam reaproximar Silvana e Martin. Martin diz a Silvana que precisa falar com ela, mas a garota se nega. Silvana diz a Martin que ele já não faz parte de sua vida, pois deixou de existir para ela. Regina telefona para Santiago, que está na casa de Dora, e avisa que Priscila está hospedada em sua casa. Os Cúmplices chegam ao hospital para dar ânimos a Ramon. Jaime deposita um cheque de Tânia em sua conta. Helena e Rodolfo não encontram a ninguém na casa das gêmeas, porém em um restaurante vêem um cartaz do Torneio de Verão. Ivan e a turma visitam Roberto e comunicam que ele está fora da equipe de skate por não ter contado a verdade sobre sua participação em um grupo musical. Maria encontra entre as coisas de Omar um panfleto da apresentação. Santiago tenta convencer Priscila de regressar com Dora sem êxito. Geraldo procura Regina exigindo mais dinheiro e pede um empréstimo à irmã. Ela dá o dinheiro, mas exige que ele não volte a procurá-la, pois pode comprometê-la com a polícia. Regina (com a falsa identidade de Tânia) promete a Silvana que a lançará como solista, mas deixa claro que primeiro vai cuidar da carreira de Priscila. Omar convida Silvana para sair e ela aceita para dar ciúmes a Martin. Maria chega à loja de brinquedos, onde Alice informa Helena que operaram Ramon. Santiago e Humberto anunciam que a clausura do Torneio de Verão será em Veracruz. Martin abre o show dedicando-o a Ramon. O anunciador apresenta a uma nova cantora solo por parte de Enter Records e Silvana crê que se refere a ela, porém se trata de Priscila, que canta diante da sorpresa de todos. Silvana chora decepcionada. Silvana, revoltada com a decisão da empresária, diz a Joaquim que já não quer mais cantar e pede desculpas aos companheiros do conjunto por ter se comportado mal com eles. Silvana também comenta que "Tânia" é muito má. Joaquim aconselha a amiga a voltar a cantar, e diz que não deve permitir que Tânia a faça chorar. André diz a Joaquim que decidiu contar para sua mãe o verdadeiro motivo pelo qual deixou o grupo "Cúmplices de um Resgate". A operação de Ramon chega a seu fim. Com a falta de componentes no grupo, por causa da ausência de Priscila e Ramon, Martin decide ajudá-los e se oferece para tocar e dançar com eles em sua apresentação. Feliz, Priscila diz a Regina que, finalmente conseguiu ganhar da convencida da Silvana. Carlos chega à loja de brinquedos. Na apresentação de "Os Bandidos" e diante do público, Joaquim dedica a música que escreveu Ramon para Mariana e lhe pede perdão dizendo que a ama. Silvana conduz Mariana ao palco para que cante com Joaquim. O pai de Nadine chega para ver a apresentação e pede perdão a Lulu e à filha. Ele conta para Nadine que, graças aos seus amigos do grupo "Cúmplices de um Resgate", que conseguiram convencê-lo, ele pôde compreender o quanto era importante o seu apoio. André conta para a mãe o motivo pelo qual entrou para o grupo "Os Bandidos", e que foi Jaime quem os contatou com "Os Bandidos", e juntos procuram Jaime e reclamam seu engano, mas ele insiste em dizer que não existe nenhum documento assinado por ele, e por esse motivo ninguém pode fazer nada contra ele, porque não têm provas para acusá-lo. André diz que torce para que Roberto não pague caro por ter um pai como ele e que não tenha que pagar por seus erros. Os skatistas informam Roberto que deixaram Ivan só porque eles sim gostam que ele toque em "Os Bandidos". Tânia leva Priscila à mansão Del Valle, onde enlouquece e, depois de confessar-lhe que ela é Regina, a deixa trancada para ir à gravadora. Jaime, arrependido, vai até a casa de Alice para pedir perdão, devolver o dinheiro e dizer que decidiu se entregar à polícia. André pede a Jaime que não se entregue, pois Roberto sofreria muito ao ver o pai na prisão. Maria, a mãe de Omar, obriga o filho a devolver as coisas que roubou e diz que não quer que ele siga os passos de Joel, seu pai, que foi declarado culpado e está preso acusado de homicídio e pirataria. Omar promete não seguir os passos de seu pai. Os integrantes do grupo "Cúmplices de um Resgate" descobrem Tânia saindo da Enter Records e seguem Tânia até sua casa para descobrir o paradeiro de Priscila, e ficam muito surpresos ao descobrirem que Tânia e Regina são a mesma pessoa. Santiago chama a polícia e os meninos saltam a borda para abrir a porta. Regina sacode Priscila, porém tenta atacar Silvana enquanto a vê e os demais a detém; chega a polícia e a arrastam. À beira de um ataque de nervos, Regina é presa junto com o irmão, Geraldo, que foi detido no aeroporto, enquanto Vicente é libertado, pois foi absolvido. O médico retira as bandagens de Ramon e este consegue ver. Marina e Ofélio se casam. Regina é recluida em uma instituição para doentess mentais e Geraldo lava os baños na cadeia. Santiago propõe a Dora e Priscila formar uma familia. Tijerino pede a Nina que seja sua namorada. Priscila, Silvana e Roberto se integram com "Os Cúmplices de um Resgate". Os integrantes do "Cúmplices de um Resgate" pedem perdão uns aos outros. Os "Cúmplices" e os "Bandidos" decidem formar um único grupo, que continuará se chamando "Cúmplices de um Resgate". Entusiasmados, eles se preparam para uma turnê de verão. Omar pede à mãe que o acompanhe na turnê, pois quer apresentá-la a seus amigos. Silvana pede a Mariana que voltem a compartilhar seu quarto. Sebastião cumpre sua promessa de voltar para buscar Helena e a pede em casamento. Raul chega à casa de Mariana apoiando-se em uma bengala e Silvana pergunta ao padrinho porque ele foi embora sem se despedir. Ele explica que não teve tempo de nada, já que Tânia lhe deu uma bebida que o deixou todo paralisado, e depois o deixou abandonado em um povoado distante. Silvana conta que Tânia era, na realidade, Regina. Roberto confessa para Jaime que nunca deixou de andar em skate; este agradece sua confiança e promete apoiá-lo. Todos os Cúmplices chegam ao estádio Luis Pirata Fuente em Veracruz, onde perdoam Omar e o convidam a formar parte do novo grupo. Priscila diz a Silvana a verdadeira razã pela qual Martin terminou com ela. Omar pede perdão a Martin e diz que Silvana só gosta dele. Os "Cúmplices de um Resgate" são recebidos pelo governo e o DIF de Veracruz, recebendo um reconhecimento por seu trabalho para construir mais albergues telpochcalli. Ofélio desmaia quando Marina lhe dá a notícia de que está grávida e que será pai de gêmeos. Regina perde a razão e é internada em um hospital psiquiátrico. A surpresa que Vicente preparou para Silvana e Mariana é que Rosa e Alberto voltarão da lua-de-mel à tempo de assistir ao show. Durante o desfile, Joaquim pede a Mariana que seja sua namorada. Tânia engana a enfermeira do hospital psiquiátrico e consegue escapar. O show dá início e, depois da primeira canção, André diz a Júlia que é uma menina muito linda e que gosta muito dela e, finalmente, eles aceitam que se gostam. Rosa e Alberto chegam abraçando a suas filhas e, diante do público, Martin diz a Silvana que a ama e pede que o perdoe e que volte a ser sua namorada; e se ela aceita se casar com ele. Ela aceita e os dois se beijam e aparece Manteguinha carregando um cartaz pendurado no pescoço que diz... FIM.

Nenhum comentário:

Postar um comentário